Cerca

Vatican News

Papa: diaconato permanente, iniciativa profética

No telegrama, o Papa dá “glória a Deus pelos frutos humanos e espirituais amadurecidos que brotaram da ação do Espírito Santo através da instituição do diaconato permanente, iniciativa providente que nasceu do coração dos padres conciliares".

Cidade do Vaticano

O Papa Francisco enviou um telegrama ao bispo de Vicenza, Itália, dom Beniamino Pizziol, pelos 50 anos de ordenação dos primeiros sete diáconos permanentes da Congregação Pia Sociedade São Caetano.

A ordenação ocorreu, em 22 de janeiro de 1969, na catedral de Vicenza.

Neste domingo (20/01), foi realizado o encontro “Diaconato, brotar por uma Igreja de frutos novos”, no instituto da congregação religiosa missionária de direito pontifício, fundada pelo venerável Servo de Deus Pe. Ottorino Zanon, em 1941.

No telegrama, assinado pelo secretário de Estado, cardeal Pietro Parolin, o Papa dá “glória a Deus pelos frutos humanos e espirituais amadurecidos, que brotaram da ação do Espírito Santo através da instituição do diaconato permanente, iniciativa providente que nasceu do coração dos padres conciliares” e floresceu em Vicenza pela “ação apostólica e espiritual profética” de Pe. Zanon.

Uma ocasião de “promoção humana e espiritual”, bem como “de evangelização dos órfãos e adolescentes carentes, para o desenvolvimento de personalidades maduras e dedicadas ao serviço a Deus e aos irmãos”, conclui o Papa no telegrama.

21 janeiro 2019, 18:59