Versão Beta

Cerca

Vatican News

Papa reza na Catedral dos Santos Estanislau e Ladislau

A Catedral, no seu estilo barroco no interior, é considerada uma das mais belas em todo o mundo.

Cidade do Vaticano

Depois do encontro com os jovens, o Papa entrou na Catedral dos Santos Estanislau de Szczepanów e Ladislau, onde rezou silenciosamente na Capela de São Casimiro.

Francisco foi acolhido por 60 religiosas e sacerdotes idosos. Ao final da visita, uma irmã e um padre ofereceram flores ao Papa, que colocou-as diante da imagem de Nossa Senhora da Sibéria.

A Catedral dos Santos Estanislau e Ladislau em Vilnius foi projetada pelo arquiteto Laurynas Gucevičius e construída entre 1779 e 1783 sobre os resquícios de uma antiga catedral, que desabou em parte em 1769, em uma história marcada por numerosas destruições e reconstruções no arco dos séculos, a partir de 1.300.

Durante a ocupação soviética, a Catedral foi fechada ao público, depredada e transformada em galeria de arte e depois em loja.

É considerada uma das mais belas catedral em todo o mundo e no seu interior, predomina nos afrescos, pinturas, esculturas e túmulos o estilo barroco.

De particular interesse, a Capela de São Casimiro, onde estão os restos mortais do Padroeiro da Lituânia, e um afresco do século XVI representando a crucifixão de Cristo.

Após, Francisco transferiu-se para a Nunciatura Apostólica em Vilnius, distante 1,7 km.
 

22 setembro 2018, 16:35