Versão Beta

Cerca

VaticanNews
Papa Francisco com os astronautas da missão ISS-53 Papa Francisco com os astronautas da missão ISS-53  (ANSA)

Papa encontra astronautas da Estação Espacial Internacional

Em 26 de outubro passado, o Papa se conectou, via vídeo, com a tripulação da Estação Espacial Internacional.

Cidade do Vaticano

O Papa Francisco recebeu nesta sexta-feira (08/06), no Vaticano, os astronautas da missão ISS-53, dentre os quais o italiano Paolo Nespoli. Durante o encontro falou-se sobre a fragilidade da terra.

Entrevistado por Vatican News, Paolo Nespoli revelou que foi doado ao pontífice um traje de astronauta com uma manta branca, com asas de anjo e com a escrita Papa Francisco.

Vulnerabilidade da terra

“A possibilidade de ir ao espaço muda a pessoa”, disse o astronauta italiano. “Pela primeira vez do espaço a gente se sente terrestre. Aprecia-se a beleza, mas também a vulnerabilidade da terra. É uma visão que todos deveriam ter. Gostaríamos que o Papa, os filósofos e os escritores fossem ao espaço”, acrescentou.

“Depois de estar no espaço você se torna um ser humano melhor. O universo não oferece respostas, mas amplifica o que você acredita. Veja que no final o Planeta é um pedaço de terra. Lá de cima é difícil ver confins geográficos. O único limite muito claro é o da atmosfera. Temos de preservar aquele confim pequeno e delicado”, concluiu Nespoli.

Representantes de toda a família humana 

Em 26 de outubro passado, o Papa se conectou, via vídeo, com a tripulação da Estação Espacial Internacional. Durante a conversa, que durou 25 minutos, o Papa fez perguntas aos astronautas.

“Vocês são um pequeno Prédio de Vidro” cuja “totalidade é maior que a soma das partes”. “Sentimos vocês como representantes de toda a família humana no grande projeto de pesquisa que é a Estação espacial”, disse Francisco naquela ocasião.

08 junho 2018, 20:03