Versão Beta

Cerca

Vatican News

Papa saúda jornalistas que o acompanham no Chile e Peru

Na tradicional saudação, Francisco comenta brevemente sua relação com os dois países a visitar e distribui foto da II Guerra Mundial.

No avião rumo ao Chile, o Papa Francisco como de costume saudou os jornalistas a bordo. Com eles, comentou que o voo Roma-Santiago é o voo direto mais longo da companhia Alitalia, com mais de 15 horas de duração.

Sobre as duas etapas desta  sua 22ª viagem apostólica, o Pontífice disse que no Chile “não será tão difícil”, porque estudou ali um ano e tem muitos amigos. Já o Peru conhece menos, pois esteve somente duas ou três vezes para congressos e encontros.

Depois, distribuiu aos jornalistas a foto tirada em 1945 de uma criança com seu irmãozinho morto nas costas, enquanto esperava na fila o seu turno diante do crematório de Nagasaki.

“Eu me comovi quando vi esta [foto], e ousei escrever somente “o frutto da guerra”. E pensei em imprimi-la novamente e distribui-la, porque uma imagem do gênero comove mais do que mil palavras. Por isso quis compartilhá-la com vocês. E obrigado pelo trabalho de vocês!"

16 janeiro 2018, 10:20