Cerca

Vatican News
Papa Francisco com Sua Beatitudine Sviatoslav Shevchuk Papa Francisco com Sua Beatitudine Sviatoslav Shevchuk 

Papa Francisco visitará Basílica de Santa Sofia dos ucranianos

A Sala de Imprensa da Santa Sé comunicou que no domingo 28 de janeiro, o Papa Francisco irá à Basílica de Santa Sofia encontrar-se com a comunidade greco-católica ucraniana.

Cidade do Vaticano

Atendendo ao convite do Arcebispo-Mor de Kyiv-Halyč dos ucranianos, Sviatoslav Shevchuk, o Papa Francisco fará uma visita à Basílica de Santa Sofia em Roma, no domingo 28 de janeiro, às 16 horas, para encontrar-se com a comunidade greco-católica ucraniana.

A informação foi confirmada esta sexta-feira pelo diretor da Sala de Imprensa da Santa Sé, Greg Burke.

A Ucrânia é um país que está no coração do Santo Padre, que não poucas vezes lançou apelos pela resolução do conflito vivido no país, que além da perda de vidas humanas, provoca deslocamentos internos e pesados danos materiais.

Em 2016, por desejo do Papa, foi realizada uma uma coleta de fundos nas igrejas europeias, cujo valor arrecadado foi destinado ao país do leste europeu.

A basílica

 

A Basílica de Santa Sofia na Via Boccea é um local subsidiário de culto da Paróquia de Santa Maria da Apresentação e é a igreja nacional em Roma dos ucranianos.

Em fevereiro de 1963, logo após sua saída da prisão em um gulag na Sibéria, o arquieparca Josyp Slipyj começou a recolher fundos para construir em Roma uma igreja para a comunidade da Igreja Greco-católica ucraniana.

O início da construção teve início em junho de 1967, sendo concluído em setembro de 1969.

Os mosaicos do altar são obra do artista ucraniano Svyatoslav Hordynsky.

A Igreja foi consagrada em 27-28 de setembro de 1969 pelo arquieparca Josyp Slipyj e dezessete bispos, na presença do Papa Paulo VI.

As relíquias do Papa Clemente I foram transferidas da Basílica de “San Clemente al Laterano” e depositadas sob o altar-mor.

A Igreja é dedicada à Divina Sabedoria.

Em 1998, a igreja foi elevada ao título de basílica menor.

Em setembro de 2011 foram concluídos os trabalhos de restauração promovidos pela Associação “Santa Sofia” que é a legítima proprietária da igreja e das construções anexas.

Em 14 de outubro de 2012 durante uma solene liturgia presidida pelo Arcebispo Mor Svjatoslav Ševčuk e concelebrada por outros prelados, foi realizado um ato simbólico de bênção da restaurada basílica de Santa Sofia.

Basílica de Santa Sofia
12 janeiro 2018, 14:02