Cerca

Vatican News
Monges trapistas de Tibhirine, na Argélia Monges trapistas de Tibhirine, na Argélia 

Igreja terá mais uma santa e novos beatos mortos na Argélia

Também foi morto por ódio à fé o Bispo de Orã, Dom Pierre Claverie, da Ordem dos Frades Pregadores.

Cidade do Vaticano

O Papa Francisco recebeu em audiência, nesta sexta-feira (26/01), no Vaticano, o Prefeito da Congregação das Causas dos Santos, Cardeal Angelo Amato, ao qual autorizou a promulgação dos decretos relativos a uma nova santa.

Trata-se da Beata Nazaria Ignazia March Mesa, religiosa e fundadora da Congregação das Irmãs Misioneras Cruzadas de la Iglesia. Nasceu em Madri, Espanha, em 10 de janeiro de 1889, e morreu em Buenos Aires, Argentina, em 6 de julho de 1943.

O Papa também autorizou a promulgação dos decretos relativos a 23 novos beatos, dentre os quais os mártires mortos na Argélia de 1994 a 1996 por ódio à fé, como o Bispo de Orã, Dom Pierre Claverie, da Ordem dos Frades Pregadores, e os sete monges trapistas de Tibhirine: Christian de Chergé, Luc Docher, Christophe Lebreton, Michel Fleury, Bruno Lemarchand, Celestin Ringeard e Paul Favre-Miville; além da leiga da Ordem Franciscana Secular, Veronica Antal (1935-1958), morta na Romênia aos 20 anos de idade, durante o regime comunista.

Promulgação de decretos

A Igreja tem também dois novos veneráveis Servos de Deus. Trata-se do Pe. Ambrosio Grittani, sacerdote italiano diocesano e fundador das Oblatas de San Benedetto Giuseppe Labre (1907-1951), e da francesa a Serva de Deus Anna-Maria Maddalena Delbrêl (1904-1964), com o reconhecimento das virtudes heroicas.  

O Papa também reconheceu os milagres atribuídos às Veneráveis Servas de Deus Alfonsa Maria Eppinger, fundadora da Congregação as Irmãs do Santíssimo Salvador, nascida em Niederbronn, França, em 9 de setembro de 1814 e morta em 31 de julho de 1867; Clélia Merloni, fundadora do Instituto das Apóstolas do Sagrado Coração de Jesus, nascida em 10 de março de 1861, em Forlí, Itália, e morta em Roma em 21 de novembro de 1930, e Maria Crucifixa do Amor Divino (1892-1973), italiana, fundadora das Apóstolas do Sagrado Coração.

27 janeiro 2018, 13:39