Versão Beta

Cerca

Vatican News
O atirador matou 26 pessoas O atirador matou 26 pessoas 

Pesar do Papa pela tragédia no Texas: força espiritual prevaleça sobre o ódio

O Santo Padre pede para que “as suas condolências cheguem às famílias das vítimas e dos feridos, aos membros da congregação e da comunidade local”

Cidade do Vaticano

O Papa Francisco enviou um telegrama de pesar ao arcebispo de San Antonio, no Texas, EUA, Dom Gustavo Garcia-Siller, pela tragédia ocorrida no último domingo (05/11), em Sutherland Springs, quando um atirador entrou na Igreja Batista daquela localidade, matando vinte e seis pessoas, e deixando feridas mais de vinte. 

Pesar do Papa pelas vítimas no Texas

No telegrama, assinado pelo Secretário de Estado, Cardeal Pietro Parolin, o Papa manifesta o seu pesar pela “perda de vidas e pelas feridas graves causadas pelo ato insensato de violência contra a Igreja Batista de Sutherland Springs”.

“ O Santo Padre pede para que as suas condolências cheguem às famílias das vítimas e dos feridos, aos membros da congregação e da comunidade local. ”

No texto, o Pontífice eleva a Deus sua oração de consolo por “aqueles que choram” e pede ao Senhor para que conceda a “força espiritual que triunfa sobre a violência e sobre o ódio, que nasce do poder do perdão, da esperança e do amor reconciliador”.

No último domingo, Devin Patrick Kelley, um ex-militar da Força Aérea dos EUA, de 26 anos, entrou na Igreja Batista de Sutherland Springs, atirando contra os fiéis que estavam reunidos para a missa matutina. 

“Um evento trágico que desfigurou toda a comunidade”, disse o Presidente da Conferência Episcopal dos Estados Unidos, Cardeal  Daniel DiNardo.

 

07 novembro 2017, 10:58