Cerca

Vatican News
Católicos são apenas 1,1% da população Católicos são apenas 1,1% da população  (AFP or licensors)

Mianmar, a jovem democracia asiática que verá o Papa de perto

Mianmar, a jovem democracia asiática que verá o Papa de perto

Bianca Fraccalvieri - Yangun

O Papa se prepara para viajar e Mianmar para receber um Pontífice, pela primeira vez em sua história. Francisco chegará a Yangun, a capital deste país asiático, na próxima segunda-feira, dia 27 de novembro.

Terá uma programação intensa em três dias de compromissos. Com 61 milhões de habitantes, a população católica é de apenas 675 mil pessoas: 1,1%: do total, segundo as estatísticas publicadas pela Santa Sé.

Confira as imagens realizadas por Bianca Fraccalvieri do Shwedagon Pagoda:

Templo budista Shwedagon Pagoda é o maior do mundo

Hoje Mianmar é um Estado laico, mas de grande maioria budista. A Igreja católica está inserida fortemente em atividades sociais e pastorais, embora em 1965 as escolas da igreja e os hospitais tenham sido estatizados e 239 missionários expulsos do país.

A ditadura militar deixou permanecerem apenas poucos padres diocesanos, mas em 20 anos, os católicos duplicaram o seu número. Apesar de ser uma jovem democracia, nota-se ainda uma certa desconfiança da população em relação à imprensa, sobretudo internacional. É o que relata a enviada da RV. Ouça-a aqui:

Nas ruas, não há grandes sinaais da chegada do Papa
23 novembro 2017, 13:56