Busca

Vatican News
Belarus - oposição Belarus - oposição  (ANSA)

Breves do mundo

Notícias breves do mundo: Covid-19, no Peru, há um número recorde de infecções (10.143 em 24 horas).

Silvonei José - Vatican News

Notícias breves do mundo:

- BELARUS: Neste domingo o apelo do Papa ao diálogo durante o Angelus. No fim de semana, grandes manifestações pacíficas nas ruas das principais cidades do país. Em Minsk várias dezenas de milhares de pessoas reunidas para contestar a reeleição de Lukashenko. Moscou pronta para a intervenção militar. Da Lituânia, a opositora Svetlana Tikhanovskaïa declara-se pronta a liderar o país. O arcebispo de Minsk, dom Kondrusiewicz, interveio para enfatizar que a verdade não pode ser sacrificada para satisfazer interesses políticos ou oportunistas.

Ouça e compartilhe

- COVID-19: Novas ações na Itália. A partir de hoje todas as discotecas estarão fechadas, sem possíveis exceções, e a obrigação de máscaras ao ar livre à noite nos lugares mais frequentados. O governo e as regiões concordam em uma tentativa de conter o retorno da epidemia. Os contágios estão crescendo no país, mas em proporções menores do que em outros países da União Européia. A França ultrapassa 3.000 novos positivos pelo segundo dia consecutivo. Também na Espanha os locais da vida noturna estão fechados. Em toda a Europa, os mais jovens são chamados a se comportar de forma responsável. A Nova Zelândia decide adiar as eleições parlamentares por um mês. Após 102 dias sem contágio, Auckland permanece confinada até 26 de agosto. Na Venezuela, o Presidente Maduro impõe uma semana de confinamento "reforçado". No Peru, há um número recorde de infecções (10.143 em 24 horas). Na Índia, mais de 50.000 mortos.

- ZIMBABWE: a solidariedade do núncio para com os bispos, após a dura resposta do governo à carta pastoral da Conferência Episcopal.

- ETIÓPIA: Sudão, Egito e Etiópia apresentarão amanhã seus projetos de acordos sobre a gestão da grande barragem do Nilo no centro das tensões entre os três países. Durante uma reunião "virtual" neste domingo, sob a égide da União Africana, foi delineada a vontade de obter um documento único, envolvendo os três países para a gestão e distribuição da água. Sábado no Angelus, o apelo do Santo Padre ao diálogo para que "o Rio Eterno possa continuar a ser uma fonte de vida que une e não divide".

- MAURÍCIO: O navio japonês encalhado ao largo da ilha rompeu-se definitivamente. As cerca de 100 toneladas de petróleo restantes depois de bombear os tanques estão se espalhando na água do mar. 1.000 toneladas de hidrocarbonetos já cobriram o fundo marinho e as praias de Blue Bay, uma zona ecológica protegida. A empresa japonesa proprietária do navio declarou-se disposta a pagar pelos danos causados.

- SOMÁLIA: 16 mortos no ataque a um hotel em Mogadíscio que abriga funcionários do governo. Trata-se de 10 civis, um policial e 5 agressores. Os autores do ataque são jihadistas da Al Shebab, que entraram na estrutura depois de explodir um carro-bomba.

- TAILÂNDIA: pelo menos 10.000 pessoas nas ruas da capital Bangcoc ontem para exigir uma reforma da monarquia. O protesto começou no mês passado. A crise econômica e sanitária que afeta o país é a pior desde 1997; milhões de tailandeses perderam seus empregos.

- ESTADOS UNIDOS: Começa hoje uma Convenção sem precedentes do Partido Democrata para a investidura de Joe Biden às eleições presidenciais de novembro. Uma convenção "virtual" na qual participarão grandes nomes do partido; participa também Michelle Obama. As pesquisas dão Biden favorito com 323 grandes eleitores contra 215 para D. Trump. Vale a cautela, há 4 anos as pesquisas davam uma clara vantagem a Hilary Clinton.

- ALEMANHA: pela primeira vez se realizam execitações militares conjuntas entre a Alemanha e Israel (até o dia 28). Nesta terça-feira, 18 de agosto, soldados alemães e israelenses vão a campo de Dachau para uma homenagem.

17 agosto 2020, 11:48