Busca

Vatican News
Flagstaff - Universidade do Norte do Arizona Flagstaff - Universidade do Norte do Arizona  A história

Arizona, universitários católicos vencem o isolamento seguindo os passos de São João Newman

A herança espiritual do cardeal João Newman, convertido ao catolicismo e recentemente canonizado, na vida estudantil de jovens americanos. Testemunhos do coração dos Estados Unidos, entre influências New Age e riscos de dispersões

Antonella Palermo – Vatican News

Flagstaff, sudeste dos Estados Unidos. Localidade com pouco menos de 159 mil habitantes, situada no planalto do Colorado, por onde passa a conhecida “route66” que facilita o trânsito de milhares de turistas principalmente em direção ao vizinho Parque do Grande Canyon. São espaços imensos, com poucos locais para encontros, dezenas de lojas fechadas ou abandonadas, também por causa da baixa temporada. No cruzamento perto da estação rodoviária, alguns perdidos grupos de Amish. É um domingo, com paisagens quase surreais, e procuramos uma paróquia próxima para participar da missa. Google Maps nos indica a Universidade do Norte do Arizona. Depois de algumas dúvidas nos encaminhamos pelas ruelas semidesertas do Campus. “Será que é aqui?”. No entanto começo a lembrar dos tempos em que frequentava a capela da maior universidade da Europa, La Sapienza de Roma. Os jovens nos recebem com muita jovialidade, os instrumentos musicais a serem usados na celebração estão sendo afinados. O espaço é minimalista, começam a chegar famílias e idosos. Percebe-se que cada um tem uma responsabilidade, na preparação litúrgica, na animação, na acolhida. A moda do New Age muito em voga na região está muito longe daqui. Chegamos no Centro Newman da Universidade.

Gabriel Matthews, estudante
Gabriel Matthews, estudante

Uma grande universidade

Gabriel Matthews, estudante de Ciências dos Esportes, fala sobre a sua participação e explica que o Centro Newman é “uma casa longe da própria casa”, um lugar para encontrar amigos. Fala também sobre as “Newman Nights”, ocasiões nas quais “procura-se a verdade na universidade”. São organizadas uma vez por semana com a participação de uma centena de jovens.

Jazzy Zaleski estudante de Business Marketing
Jazzy Zaleski estudante de Business Marketing

Jazzy Zaleski, estuda Business Marketing e Espanhol, é muito feliz por ter amadurecido aqui relações fecundas que reforçaram a sua fé. É evidente a necessidade de uma rede social sólida, sadia e alegre. “Todos têm muito entusiamo para contribuir na construção de um forte sentimento de comunidade”, diz Maria Yanez.

 Maria Yanez, estudante
Maria Yanez, estudante

A herança do cardeal Newman na vida universitária americana

A obra do cardeal Newman no âmbito da cultura universitária é de grande importância, recordemos que foi reitor da universidade católica da Irlanda (atual University College Dublin). Foi na universidade da Pennsylvania que nasceram os primeiros Newman Club os quais no início do século XX, deram origem a associações que mais tarde se transformaram na National Newman Club Federation. Atualmente existem, apenas nos Estados Unidos, 1486 Newman Center. E é justamente esta rede que se inspira na célebre figura do cardeal inglês recentemente canonizado, que faz com seja muito amado nos Estados Unidos, talvez mais do que na sua terra natal. Uma rede que consegue estar presente em contextos não especificamente católicos e consegue reunir realidades de alto risco de transgressões, dispersões, isolamento. “Muitas vezes os estudantes sentem-se sós e isolados. Este é um lugar onde os jovens podem se sentir seguros e aprender a crescer” em um estilo aberto, dinâmico, criativo e dialogal, explica o capelão padre Matt Lowry.

Pe. Matt Lowry, capelão
Pe. Matt Lowry, capelão

 

Os frutos do Sínodo com os jovens em busca de  Deus

Pe. Matt Lowry elogia o estilo do Papa de se colocar na escuta dos jovens e recorda que a experiência do Sínodo foi um grande encorajamento para a Igreja. É o mesmo estilo dos Newman Center: “Gostamos das perguntas e buscar a verdade. Para nós Newman é um intercessor. Queremos ser uma presença aqui, neste campus, e em todos os campus de modo que os estudantes saibam que Jesus está caminhando com eles”. E conta a breve história de um estudante não católico que, frequentando uma festa organizada no Centro, sentiu vontade de ir à missa. Depois tomou o caminho da  Palavra de Deus, recebeu a Crisma e foi acolhido na comunidade.

Ser ‘focus missionary’

FOCUS quer dizer Companhia dos Estudantes Católicos. Os FOCUS missionaries são os que ajudam os estudantes a sentirem atração por Cristo, no campus. Ashley Kilzer é uma delas e explica como os convida a “crescer profundamente, investir neles mesmos e na vida espiritual e na relação com Deus. Investe-se nas relações que já existem, ajuda-se os estudantes nas suas escolhas”. Apostamos nas relações autênticas que levam à verdadeira e plena alegria.

Ashley Kilzer, ‘Focus missionary’
Ashley Kilzer, ‘Focus missionary’

Faith Stenle, de San Diego explica que o clima familiar, os cursos bíblicos e os encontros mais conviviais são as modalidades com as quais os estudantes descobrem ou redescobrem Deus.

Cultivar a “cultura da vida”

Micah Meehan, é proveniente de Phoenix e colabora com o Centro em várias atividades. “Às vezes pode ser difícil levar adiante os estudos e todo o trabalho que cada curso requer”, mas “eu dedico tempo a Jesus”. Fala do Newman Center como um verdadeiro e próprio “hub” do catolicismo em Flagstaff, capaz de interceptar as pessoas as pessoas que conhece somente a cultura da morte. “Acredito que a nossa missão aqui é cultivar a cultura da vida que Cristo pregou no Evangelho”.

Micah Meehan, estudante
Micah Meehan, estudante
11 março 2020, 12:16