Cerca

Vatican News

O relato de religiosa brasileira que viveu terremoto nas Filipinas

"Foi horrível. Foi um sufoco. O prédio balançou tanto, tanto, tanto, que eu não conseguia correr e sair do terceiro andar". O relato ao Vatican News do terremoto sentido também na capital das Filipinas na segunda-feira, é da Irmã Irmã Terezinha Kunen, da Pastoral da Criança.

Bianca Fraccalvieri - Cidade do Vaticano

Um terremoto de magnitude 6,1 na Escala Richter, segundo o Serviço Geológico dos Estados Unidos (USGS), atingiu a Ilha de Luzón, região central das Filipinas, na segunda-feira, 22. O epicentro foi a 60 km a noroeste da capital Manila, a 40 km de profundidade.

Já na madrugada desta terça-feira, um segundo tremor, de magnitude 6,3, atingiu a Província de Samar, também na região central.

Os mortos são ao menos 16. Há 14 desaparecidos e 81 pessoas ficaram feridas.

A Província de Pampanga foi a mais atingida. Na cidade de Porac, um supermercado literalmente afundou, matando cinco pessoas. Seis foram resgatadas com vida e outras estão presas nos escombros. Equipes de resgates fazem buscas no local com cães farejadores. Deslizamentos de terras também provocaram vítimas na cidade. Parte da Igreja de Santa Catarina de Alexandria, construída no século XVII, desabou.

Na vizinha Lubao,  uma senhora de idade e sua neta de 7 anos morreram esmagadas pelo desabamento de uma parede.

Na Província de Zambales, epicentro do terremoto, uma avalanche de terra matou uma criança de 6 anos.

Estradas, pontes e linhas ferroviárias foram danificadas. A torre de controle do Aeroporto Internacional de Clark foi danificada, obrigando o fechamento do aeroporto até quarta-feira.

Na capital Manila, foram suspensas as aulas e o expediente em repartições públicas. 

O país, formado por milhares de ilhas, localiza-se no Círculo de Fogo do Oceano pacífico, com alta frequência de terremotos e intensa atividade vulcânica.

Quem relatou direto de Manila ao Vatican News a experiência de viver um abalo desta magnitude, foi a Irmã Terezinha Kunen, da Pastoral da Criança:

Ouça e compartilhe!
23 abril 2019, 17:28