Versão Beta

Cerca

Vatican News
sangue, globuli rossi, giornata donazione del sangue Movimento incentiva o cadastro de doadores 

Missa campal encerra campanha de doação de medula óssea

O 15 de setembro é o Dia Mundial do Doador de Medula Óssea. Em todo o Brasil, atividades durante este mês mobilizam entidades e a Igreja para sensibilizar sobre o tema

Andressa Collet – Cidade do Vaticano

O Dia Mundial do Doador de Medula Óssea é comemorado neste sábado, 15 de setembro. Ações que sensibilizem as pessoas sobre a importância da doação serão realizadas durante todo o dia, como acontece na cidade de Pato Branco/PR. A coordenadora geral e fundadora do movimento “Corrente do Bem”, que existe desde 2014, Marilene Meneguzzo Schnornberger, explica que há mais de 20 milhões de doadores no mundo todo. No Brasil são 4 milhões de doadores cadastrados, sendo o terceiro lugar no mundo, perdendo apenas para os Estados Unidos e Alemanha.

“Estamos num grande movimento para que as pessoas se cadastrem para ser doadores de medula óssea para juntos salvarmos as pessoas que estão precisando da nossa transfusão, do nosso transplante de medula óssea. O transplante é responsável pela vida de todas as pessoas portadoras de leucemias, linfomas e outras doenças de sangue. Muitas das pessoas são crianças e recém-nascidos, que têm uma vida pela frente. No final do mês, com a participação da Igreja católica, vamos encerrar as nossas campanhas com uma grande missa.”

A missa campal de encerramento da campanha está marcada para o dia 30 de setembro, às 19h30, na Praça Getúlio Vargas, em Pato Branco. A celebração será animada por um coral formado por portadores de câncer.

Ouça a reportagem
14 setembro 2018, 15:24