Versão Beta

Cerca

Vatican News

Amazônia: o exemplo das comunidades realmente cristãs e as indicações do Sínodo

Vatican News traz os testemunhos de Moema Miranda, antropóloga, da Ordem Franciscana Secular e assessora da Repam-Brasil, e de Dom Alberto Taveira Correa, arcebispo de Belém (PA).

Cristiane Murray - Manaus

Depois de uma missa presidida por Dom Sérgio Castriani na capela do Seminário arquidiocesano, na Maromba, começaram os trabalhos do III Encontro da Igreja na Amazônia Legal.

Os jovens e a Amazônia, desafios comuns

Na noite da abertura, o arcebispo de Manaus antecipou que “os pastores da Amazônia vão mais uma vez colocar em comum a alegria do Evangelho vivido nesta parte do Brasil: uma alegria serena que não esconde os grandes desafios que enfrentamos nesta tarefa, que vai além das nossas forças”.

Dom Sérgio frisou ainda a importância de que o Encontro se realize às vésperas de dois Sínodos cujos temas nos tocam especialmente: Juventude e Amazônia, realidades que se complementam.

“ Só haverá futuro para a Amazônia se conquistarmos os corações dos jovens para suas grandes causas. ”

Este futuro já é presente em algumas comunidades cristãs que são realmente “Igreja na Amazônia”. Ao Vatican News, Moema Miranda, antropóloga, da Ordem Franciscana Secular e assessora da Repam-Brasil, citou o exemplo da aldeia dos Tapirapé, na Prelazia de São Félix do Araguaia. As Irmãzinhas de Charles de Foucauld chegaram nesta localidade há mais de 50 anos, quando a comunidade estava praticamente dizimada. Havia apenas 49 pessoas , elas ficaram lá, e com seu testemunho evangélico e cristão, recuperaram o povo.

Conheça Moema Miranda

Hoje são aproximadamente mil indígenas, que têm sua área demarcada, uma escola própria e professores da etnia Tapirapé. A língua deles foi recuperada por um casal de missionários, Eunice e Luiz, que viveram lá e ainda hoje integram o Conselho Indigenista Missionário.

“ É uma presença, um testemunho, expressão da Igreja povo de Deus. É uma emoção ver esta vida que se refaz: é a Boa Nova do Evangelho. ”

Na tarde de terça-feira (21/08), o tema dos debates foi o Documento Preparatório para o Sínodo Pan-amazônico, apresentado em 8 de junho passado.

Sínodo deve trazer propostas produtivas

Dom Alberto Taveira Correa, arcebispo de Belém (PA), falando ao Vatican News de suas esperanças em relação ao Sínodo, disse que a Igreja aguarda o surgimento de indicações práticas e produtivas para a vida pastoral. A sua expectativa é positiva e a arquidiocese já está em ação. As paróquias já receberam o Documento e muitas já responderam ao Questionário e o enviaram à Coordenação de Pastoral, que fará uma síntese.

Confira

Dom Alberto trouxe ao III Encontro da Igreja Amazônica em Manaus suas observações baseadas nestas respostas.

Ouça a reportagem completa e compartilhe!

 

21 agosto 2018, 23:25