Versão Beta

Cerca

Vatican News
Alessandra Ramos, Curso da ONU sobre Direitos Humanos Alessandra Ramos, Curso da ONU sobre Direitos Humanos 

Década dos Afrodescendentes: ONU confere bolsa sobre DH

As pessoas que trabalham na defesa dos direitos humanos, particularmente dos afrodescendentes, podem usufruir de uma bolsa da ONU para reforçar a sua capacidade. O pedido deve ser feito até 1 de junho próximo.

Dulce Araújo – Cidade do Vaticano

No âmbito da Década dos Afrodescendentes, existe uma bolsa de estudo anual para pessoas de descendência africana e que trabalham na defesa dos direitos humanos, particularmente dos afrodescendentes.

A ideia é fazer com que conheçam melhor o sistema das Nações Unidas no que toca aos direitos humanos, com particular relevância para os afrodescendentes.

O programa do curso permite aos participantes dar depois um melhor contributo para a protecção e promoção dos direitos civis, políticos, económicos, sociais e culturais das pessoas de afro-descendência, nos respectivos países.

O curso realiza-se na sede da ONU em Genebra e este ano terá lugar de 19 de novembro a 7 de dezembro. A data limite para apresentar a candidatura é 1 de junho próximo. Podem-se candidatar pessoas que já tenham um mínimo de quatro anos de trabalho na defesa dos direitos dos afrodescendentes.

Na edição de 2017 participou Alessandra Ramos, brasileira, activista dos direitos humanos junto dos afrodescendentes e não só, no Rio de Janeiro, de onde partilhou telefonicamente connosco a sua experiencia.

Ouça aqui as suas palavras:

Ouça Alessandra Ramos

Para mais informações sobre a bolsa, consulte a página web da página web da ONU relativa à Década dos Afrodescendentes:

http://www.un.org/en/events/africandescentdecade/fellowship.shtml
 

27 abril 2018, 09:41