Busca

Vatican News

Israel: o pesar dos Ordinários Católicos da Terra Santa pela morte de 45 pessoas em peregrinação

Uma mensagem de condolências da Assembleia dos Ordinários Católicos da Terra Santa foi enviada ao presidente de Israel, Reuven Rivlin, pela morte de 45 pessoas, pisoteadas pela multidão, na noite de quinta-feira (29). O evento para judeus ortodoxos reuniu cerca de 100 mil pessoas para as celebrações do Lag B’Omer em homenagem ao rabino Shimon Bar Yohai. As causas do acidente já estão sendo investigadas.

Andressa Collet – Vatican News

Ouça a reportagem e compartilhe

A Assembleia dos Ordinários Católicos da Terra Santa, segundo comunicado do Patriarcado Latino de Jerusalém, enviou na manhã desta sexta-feira (30) uma mensagem de condolências ao presidente de Israel, Reuven Rivlin, pela morte de 45 pessoas, pisoteadas pela multidão, na noite de quinta-feira (29), na Galileia. Há várias crianças entre as vítimas.  

O primeiro-ministro Benjamin Netanyahu foi ao local da tragédia e classificou como um “pesado desastre” e declarou para o próximo domingo (2) dia de luto nacional pelas vítimas. Segundo as autoridades, o evento para judeus ortodoxos, que tinha sido cancelado no ano passado por causa da pandemia, reuniu cerca de 100 mil pessoas que participavam das celebrações pelo Lag B’Omer - um feriado religioso judeu em homenagem ao rabino Shimon Bar Yohai. Esse foi o maior evento desde o controle da pandemia do corononavírus em Israel, país que teve uma das vacinações em massa mais rápidas do mundo. As causas do acidente já estão sendo investigadas.

As condolências aos familiares

Entre os milhares de judeus que foram em peregrinação ao Monte Meron, além dos 45 mortos, mais de 150 fiéis ficaram feridos. Os Ordinários Católicos da Terra Santa expressaram condolências inclusive às famílias das pessoas envolvidas no acidente e asseguraram orações pela cura das dezenas de pessoas que ficaram feridas.

Vatican News Service – TC

30 abril 2021, 14:10