Vatican News
“Os fiéis se sentem abatidos. Podemos somente rezar e torcer para que agora as coisas sejam diferentes e possamos alcançar o nosso objetivo”. “Os fiéis se sentem abatidos. Podemos somente rezar e torcer para que agora as coisas sejam diferentes e possamos alcançar o nosso objetivo”.  (ANSA)

No dia de Oração pelas Vocações, o apelo das POM/Quênia para apoiar seminários

Em função da pandemia, “adiamos muitos programas, incluindo a reestruturação de algumas capelas e a ampliação de um certo número de seminários e casas de formação”, que assim tiveram que contar “apenas com as próprias forças”, conta o diretor das POM Quênia

Vatican News

Ouça e compartilhe!

No dia 25 de abril, IV domingo da Páscoa, também conhecido como Domingo do Bom Pastor, é celebrado o Dia Mundial de Oração pelas Vocações. Para a ocasião, as Pontifícias Obras Missionárias (POM) do Quênia lançam um apelo para apoiar os seminários e outros centros de formação vocacional.

Na verdade, há um ano, explica o diretor nacional do organismo, padre Bonaventure Luchidio, a pandemia Covid-19 tem impedido o início ou a continuação de vários projetos neste setor. “Adiamos muitos programas - sublinha o religioso - incluindo a reestruturação de algumas capelas e a ampliação de um certo número de seminários e casas de formação”, que assim tiveram que contar “apenas com as próprias forças”.

Até agora, acrescenta, foi possível levantar um montante igual a 60 mil dólares, mas para concluir os projetos previstos são necessários 100 mil. “Os fiéis se sentem abatidos - continua Pe. Luchidio -. Podemos somente rezar e torcer para que agora as coisas sejam diferentes e possamos alcançar o nosso objetivo”.

Mas as previsões não são boas: até agora, a Covid-19 causou 152 mil contágios e mais de 2.400 mortes no Quênia; em várias áreas do país, não é possível celebrar a Missa com a participação do povo e apenas um terço das Congregações estão autorizadas para o culto público.

“Já podemos prever - explica o diretor das POM Quênia - que as arrecadações do dia 25 de abril trarão pequenas contribuições”. “O Papa Francisco - acrescenta - sempre nos recorda que a promoção e a orientação vocacional são a chave para um testemunho autêntico. Com os programas de formação, de fato, os candidatos ao sacerdócio são capazes de tomar decisões para servir o povo de Deus com dedicação, diligência e amor”.

Citando a tradicional mensagem pontifícia para a Dia, intitulada este ano “São José: o sonho da vocação”, o padre Luchidio destaca ademais que “no sonho da Igreja para vocações autênticas, há a necessidade de permanecer ao lado de todas as pessoas que assumiram este percurso por meio da oração constante e do apoio material, para que possam realizar o seu caminho com fidelidade e amor”.

“Por isso pedimos a todo o povo de Deus - conclui o diretor das POM do Quênia - que rezem pelas vocações e de serem generosos nas doações”.

Vatican News Service - IP

19 abril 2021, 15:25