Busca

Vatican News
Fiel filipino reza na Quarta-feira de Cinzas Fiel filipino reza na Quarta-feira de Cinzas 

Bispos das Filipinas consagrarão país à proteção de São José

Em dezembro, o Papa Francisco convocou o "Ano de São José" com a Carta apostólica “Patris corde – Com coração de Pai”, para celebrar os 150 anos da declaração do Esposo de Maria como Padroeiro da Igreja Católica.

Vatican News

Ouça e compartilhe!

Os bispos filipinos se preparam para consagrar o país à proteção de São José, em uma solene celebração que terá lugar no dia 1º de maio, festa do Santo padroeiro da Igreja universal.

Conforme informado à Agência Fides pelo administrador apostólico de Manila, arcebispo Broderick Pabillo, a Conferência Episcopal das Filipinas concordou por unanimidade com a consagração nacional, instruindo a Comissão Episcopal para os Leigos a organizar o evento. A Comissão, presidida por Dom Pabillo, está ultimando os preparartivos e divulgará a todas as 86 dioceses do país um especial "itinerário de preparação espiritual" de 33 dias para a consagração, com início em dia 30 de março.

A consagração da nação a São José é uma das iniciativas lançadas por ocasião do Ano de São José que o Papa Francisco proclamou para a Igreja universal, de 8 de dezembro de 2020 a 8 de dezembro de 2021, em comemoração ao 150º aniversário da declaração de São José como patrono da Igreja universal pelo Papa Pio IX.

 

A Comissão para os Leigos entrou em contado com o sacerdote estadunidense Donald Calloway - autor do livro “Consagração a São José” – para tratar sobre “como tornar o Ano de São José significativo para a vida dos fiéis.

“Sei que as Filipinas estão passando por um momento difícil, marcado pela pandemia, pobreza, desemprego e dificuldades econômicas. Podemos recorrer a São José para tudo, pela esperança, pela paz, pela conversão que nos aproxima de Jesus e Maria", observou padre Calloway.

São José, disse ele, ajudará a "aumentar a própria virtude e santidade porque é o que faz um bom pai. Conheceremos o conforto de um bom pai, porque o que José fez por Jesus e Maria, ele quer fazer por nós também", observou padre Calloway. “É importante lembrar que temos a Virgem Maria como nossa mãe espiritual, e temos São José como nosso pai espiritual”, acrescentou

A consagração nacional cai no Dia Internacional do Trabalhador, também conhecido como "Dia do Trabalho" em grande parte dos países, como as Filipinas. São José é o padroeiro dos pais, dos trabalhadores, das famílias.

Os leigos saudaram a decisão dos bispos de consagrar o país a São José, encontrando no Santo um refúgio em meio às dificuldades do presente, enquanto a sociedade sofre com os problemas sociais e econômicos, consequência da crise ligada ao coronavírus.

 Agência Fides / SD-PA

19 fevereiro 2021, 16:00