Busca

Vatican News
Com os dois novos níveis, as crianças aprenderão a usar e ler a Bíblia, a refletir sobre os textos e a vivê-los Com os dois novos níveis, as crianças aprenderão a usar e ler a Bíblia, a refletir sobre os textos e a vivê-los 

Formação cristã para crianças será de seis anos em dioceses do Equador

“Embora o tempo de catequese tenha aumentado (seis anos), o período que dedicamos ao estudo da fé é muito curto (uma hora por semana), e é uma oportunidade para saber mais sobre Nosso Senhor Jesus Cristo”, disse o responsável da Comissão Magistério da Arquidiocese de Guayaquil aos pais e filhos, exortando-os a não desanimarem.

Vatican News

Ouça e compartilhe!

Com o objetivo de aprofundar e fortalecer o estudo da fé cristã, na Arquidiocese de Guayaquil, bem como nas Dioceses de Babahoyo e São Jacinto, no Equador, serão acrescentados no plano de formação catequética a partir deste ano, os níveis "Iniciação" e "Estudo Bíblico", o que fará com que a formação das crianças passe a ser de seis anos.

O decreto com as novas disposições - informa o portal da Arquidiocese – diz respeito a paróquias, escolas, colégios e igrejas reitorais. Já a Conferência Episcopal havia estabelecido que a formação cristã passaria de quatro para seis níveis e que várias paróquias já haviam introduzido o novo sistema. Agora, a Arquidiocese de Guayaquil o tornou obrigatório, especificando que as crianças poderão começar o catecismo aos 7 anos.

O itinerário da catequese para crianças e adolescentes, portanto, passa a constar com os seguintes níveis: Iniciação, Primeira Comunhão 1, Primeira Comunhão 2, Bíblico, Crisma 1 e Crisma 2.

O responsável pela Comissão Magistério da Arquidiocese, Dom Giovanni Piccioli, explicou que os dois novos anos acrescentados são muito importantes para a formação das crianças, que neles aprenderão, de forma didática, os mistérios da fé, como o da Criação ou da Salvação.  Além disso, nos dois novos níveis, as crianças aprenderão a usar e ler a Bíblia, a refletir sobre os textos e a vivê-los.

Este ano as inscrições para o catecismo serão para os níveis de Iniciação, Comunhão 2, Bíblico e Crisma 2. No próximo ano os Sacramentos da Primeira Comunhão e Crisma não serão celebrados, enquanto em 2023 todos os seis níveis de catequese estarão abertos.

Dom Piccioli exortou pais e filhos a não desanimar com esta nova disposição. “Embora o tempo de catequese tenha aumentado (seis anos), o período que dedicamos ao estudo da fé é muito curto (uma hora por semana), e é uma oportunidade para saber mais sobre Nosso Senhor Jesus Cristo”.

As paróquias abriram as inscrições para o catecismo, mas devido à pandemia as aulas ainda serão ministradas em modalidade virtual.

Vatican News Service - TC

24 fevereiro 2021, 15:02