Busca

Vatican News

Paquistão. Episcopado anuncia aos fiéis que 2021 será o Ano de S. José

São José, assim como protegeu Maria e Jesus, "da mesma forma, é protetor e defensor da Igreja e dos pobres, dos necessitados e de toda a humanidade sofredora". Ele, que guiou e protegeu Jesus, está hoje em cada um de nós e nos conduz a Cristo, diz o presidente dos bispos paquistaneses. Na celebração do Ano de São José, dom Arshad convida a refletir sobre o papel fundamental dos genitores e especialmente dos pais. O pai, como chefe da família e seguindo os passos do Santo, "deve cuidar e custodiar sua família", ressalta o arcebispo

Vatican News

Ouça e compartilhe

O arcebispo de Islamabad-Rawalpindi e presidente da Conferência Episcopal do Paquistão, dom Joseph Arshad, anunciou numa mensagem especial em vídeo transmitida no canal Ave Maria Catholic TV YouTube, difundida em 12 de janeiro - informa a UCA News -, que 2021 será o ano dedicado a São José, como declarado no Decreto da Penitenciaria Apostólica que acompanha a Carta Apostólica Patris Corde (Com coração de pai) do Papa Francisco em 8 de dezembro de 2020, 150 anos após São José ter sido declarado Patrono universal da Igreja.

São José, homem justo, contribuiu para nossa salvação

Dom Arshad elogiou São José como um pai terno e amoroso que cuidava de Jesus e sua família, acrescentando que era um homem justo que seguiu a vontade de Deus e contribuiu para nossa salvação.

"Sendo um carpinteiro comum, São José trabalhou muito e cuidou de sua família para que a obra que Deus havia confiado ao Menino Jesus pudesse ser realizada", explicou o presidente dos bispos paquistaneses.

S. José, protetor e defensor de toda a humanidade sofredora

E assim como protegeu Maria e Jesus, "da mesma forma, é protetor e defensor da Igreja e dos pobres, dos necessitados e de toda a humanidade sofredora". Ele, que guiou e protegeu Jesus, está hoje em cada um de nós e nos conduz a Cristo.

Na celebração do Ano de São José, o arcebispo convidou a refletir sobre o papel fundamental dos genitores e especialmente dos pais. O pai, como chefe da família e seguindo os passos do Santo, "deve cuidar e custodiar sua família", ressaltou dom Arshad.

Vatican News – AP/RL

14 janeiro 2021, 13:34