Busca

Vatican News

Reino Unido com novo lockdown. Igrejas permanecem abertas

O presidente da Conferência Episcopal Inglesa e Galesa (CBCEW), cardeal Vincent Nichols, expressou satisfação pelo governo ter permitido a abertura das igrejas. A prática regular da nossa fé fonte essencial de energia para o bem comum, observou.

Lisa Zengarini – Vatican News

Ouça e compartilhe!

O novo bloqueio nacional no Reino Unido entra em vigor nesta terça-feira, 5 de janeiro. A medida foi anunciada no dia anterior pelo premiê Boris Johnson para tentar mitigar a propagação dos contágios de Covid-19 e a superlotação nos hospitais que aumentou nos últimos dias também devido à nova "variante" inglesa do vírus, bem mais contagiosa.

Com o novo lockdown, as pessoas são convidadas a ficar em casa, exceto em casos de extrema necessidade, como trabalhos que não podem ser feitos em casa, por motivos de saúde ou mesmo em caso de violência doméstica, especificou Johnson. As escolas que darão continuidade às atividades didáticas à distância também permanecem fechadas.

Em vez disso, as igrejas permanecem abertas para cultos, casamentos ou funerais, embora com um número limitado de fiéis e em estrita conformidade com os regulamentos de saúde sobre distanciamento social. Uma decisão acolhida com satisfação pelo cardeal Vincent Nichols, presidente da Conferência Episcopal Inglesa e Galesa (CBCEW), que criticou bastante as restrições ao culto impostas pelo governo nos últimos meses.

“A prática regular da nossa fé - declarou o arcebispo de Westminster - é uma fonte consolidada quer de resiliência pessoal como permitir o serviço aos mais necessitados. Essa resiliência e serviço duradouro são vitais nessas circunstâncias difíceis. Estou feliz - afirmou o cardeal Nichols - que não tenham sido introduzidas medidas que impeçam ou reduzam esta fonte essencial de energia para o bem comum. As paróquias católicas continuarão a atender às necessidades de sua comunidade local”.

A Conferência Episcopal publicou as novas medidas do governo em seu site.

Vatican News Service - LZ

05 janeiro 2021, 14:21