Busca

Vatican News
2020.12.01 REPAM DOSSIER COVID

CAAAP e REPAM: 43 mortes e mais de 4 mil novos casos de Covid-19 na Amazônia peruana

Desde as primeiras semanas do estado de emergência, o Centro Amazônico de Antropologia e Aplicação Prática (CAAAP), junto com a Rede Eclesial Pan-Amazônica (REPAM), vem monitorando o comportamento da pandemia na Amazônia peruana, registrando um aumento significativo de casos positivos e mortes por causa do vírus na floresta.

Vatican News

O Centro Amazônico de Antropologia e Aplicação Prática (CAAAP), organização não governamental ligada à Conferência Episcopal Peruana, registrou um aumento de 4.154 novos casos de coronavírus na floresta amazônica de 20 de dezembro a 11 de janeiro de 2021 e, o mais preocupante, outras 43 mortes.

Desde as primeiras semanas do estado de emergência, o CAAAP, junto com a Rede Eclesial Pan-Amazônica (REPAM), vem monitorando o comportamento da pandemia na Amazônia peruana, registrando um aumento significativo de casos positivos e mortes por causa do vírus na floresta. De acordo com dados oficiais do Ministério da Saúde, das Direções Regionais de Saúde e das redes de saúde, desde o início da pandemia, a Amazônia peruana registrou um total de 5.030 mortes de Covid-19 e 218.172 casos confirmados.

Entre as regiões mais afetadas por esta nova onda de coronavírus estão a Região de Ucayali, onde 15 pessoas perderam a vida nas últimas três semanas, San Martín, Loreto, a floresta de Cusco, na província de La Convención, Madre de Dios, Bagua e Oxapampa.

Vatican News Service - AP/MJ

12 janeiro 2021, 12:55