Busca

Vatican News

Campanha solidária dos Salesianos: "O amor abate as barreiras"

A iniciativa, este ano, é em favor dos menores, privados de liberdade nas prisões do mundo inteiro. Segundo as Nações Unidas, mais de um milhão de crianças e jovens se encontram encarcerados, acusados por pequenos delitos. Entre eles, 59% aguardam julgamento: no entanto, são tratados como criminosos, quando, na realidade, precisariam apenas de apoio e assistência social

Vatican News

Ouça e compartilhe

“O seu amor pode abater as barreiras”: é o lema da Campanha de Solidariedade, promovida pelos Salesianos italianos, que conta com o apoio das doações dos participantes na “Corrida dos Santos”, que está se realizando, em versão virtual, desde sexta-feira, 30 de outubro, até terça-feira, 3 de novembro.

Iniciativa em favor dos menores nas prisões do mundo inteiro

A iniciativa, este ano, é em favor dos menores, privados de liberdade nas prisões do mundo inteiro. Segundo as Nações Unidas, mais de um milhão de crianças e jovens se encontram encarcerados, acusados por pequenos delitos. Entre eles, 59% aguardam julgamento: no entanto, são tratados como criminosos, quando, na realidade, precisariam apenas de apoio e assistência social.

Seguindo as diretrizes de seu fundador, São João Bosco, para o qual a mudança dos jovens deve ser atingida pela educação, os Salesianos, que trabalham nos centros de detenção, buscam levar aos jovens a alegria de ser ouvidos e assistidos.

Festa coletiva, evento esportivo e instrumento solidário

Neste ano, as restrições impostas pela Covid-19 impedem esta manifestação esportiva e solidária, promovida pelas "Missões Dom Bosco" e pela Procuradoria Missionária Salesiana de Turim, que sempre se realizava por ocasião do Dia de Todos os Santos, segundo as modalidades que a caracterizavam. Por isso, esta iniciativa ocorre, este ano, virtualmente, segundo seus princípios inspiradores: festa coletiva, evento esportivo e instrumento de solidariedade.

Qualquer pessoa pode participar até esta terça-feira da “Corrida”, percorrendo 10 km, seguindo a pista prevista, orientada pelo GPS, que indica o desempenho pessoal aos participantes, em tempo real, permite controlar os quilômetros percorridos e informar o percurso individual, segundo a tradição da “Corrida dos Santos”, em Roma, e enfim, constatar a posição virtual da classificação de cada concorrente.

Esta “Campanha de Solidariedade”, de grande importância para os Salesianos, tem o objetivo de realizar as medidas específicas, nas diversas realidades e fases do processo de detenção.

O trabalho pastoral dos Salesianos nos cárceres juvenis

Em Freetown, Serra Leoa, os Missionários de Dom Bosco são os únicos que têm acesso à Penitenciária de Pademba, para a qual levam alimentos, água, remédios, apoio e orientação; em Luanda, Angola, trabalham para que os jovens presidiários tenham acesso a medidas alternativas ao sistema carcerário; na Cidade de Juarez, México, são encarregados da animação interna, graças à “Brigada da Alegria”; em Chennai, Índia, trabalham para a reintegração dos jovens na sociedade; na Itália, os Salesianos prestam serviço, há anos, em prisões juvenis, mediante uma ação educativa, que inclui prevenção e ajuda à integração escolar e social, além de atividades esportivas e profissionais.

(L'Osservatore Romano)

02 novembro 2020, 13:20