Busca

Vatican News

Bolívia. Acordo de cooperação da Pastoral Carcerária e agentes penitenciários

O acordo leva em conta a importância da promoção humana integral das pessoas privadas de liberdade para alcançar a recuperação, readaptação, reintegração social e reconciliação com a sociedade, dentro do marco dos direitos humanos e garantias constitucionais. A aliança faz parte do acordo nacional da Pastoral Social Caritas, que tem uma duração de três anos e foi atualizada durante este tempo como respaldo do trabalho da pastoral carcerária com a prisão San Roque e os demais cárceres do departamento de Sucre

Vatican News

Ouça e compartilhe

Estabelecer condições para um trabalho coordenado que permita fortalecer as relações interinstitucionais e evitar discrepâncias e conflitos entre os agentes da Pastoral Carcerária e as autoridades penitenciárias é o objetivo do Convênio de Cooperação Interinstitucional entre a Pastoral Carcerária e a Diretoria Departamental do Sistema Penitenciário e a Diretoria da Prisão San Roque.

Promoção humana integral dos detentos

O acordo se cumpre levando em conta a importância da promoção humana integral das pessoas privadas de liberdade para alcançar a recuperação, readaptação, reintegração social e reconciliação com a sociedade, dentro do marco dos direitos humanos e garantias constitucionais.

Neste contexto, o arcebispo de Sucre, dom Ricardo Centellas, juntamente com o responsável pela Pastoral Carcerária, padre José Miguel Marengo; o advogado Edwin Paulino Aguilar da Diretoria Departamental do Regime Penitenciário e o major Ludwin Antonio Miranda da Diretoria da Prisão San Roque deram seu pleno assenso às cláusulas do acordo assinado em 20 de novembro último.

Atuação relevante da Pastoral Carcerária durante a pandemia

Ambas as instituições e a Igreja Católica – afirma uma nota do episcopado – reconheceram o calor humano e apoio do trabalho realizado pelos agentes da Pastoral Carcerária durante este tempo de pandemia, sobretudo durante os momentos críticos que os privados de liberdade passaram nos últimos meses, com mais restrições dentro do ambiente prisional e limitações nos encontros familiares.

A aliança faz parte do acordo nacional da Pastoral Social Caritas, que tem uma duração de três anos e foi atualizada durante este tempo como respaldo do trabalho da pastoral carcerária com a prisão San Roque e os demais cárceres do departamento de Sucre.

Vatican News Service

24 novembro 2020, 15:14