Busca

Vatican News

Nutrir a resiliência: Centro de Leigos promove reflexões semanais

Resistir à negatividade é um desafio em tempos de crise. Para isso, é preciso “Nutrir a Resiliência” e focar no essencial. Uma iniciativa do "Centro de Leigos" de Roma promove programa de reflexões semanais, com a contribuição do brasileiro Filipe Domingues.

Vatican News

Nutrir a Resiliência”: este é o título de um programa online organizado pelo Lay Centre (“Centro de Leigos”) de Roma.

Trata-se de uma série de reflexões semanais enviadas por email, que vão desde o autocontrole, a relação com os outros, o diálogo entre jovens e idosos, e a vida espiritual.

O programa, em inglês, será encerrado com um encontro virtual entre estudantes, jovens profissionais e o Cardeal Michael Czerny, SJ, subsecretário do Dicastério para a Promoção do Desenvolvimento Humano Integral, em 18 de novembro.

O tema deste evento será “Todos no mesmo barco: Nutrir a resiliência na comunidade global”, e abordará a nova encíclica do Papa Francisco, a “Fratelli tutti”.

Resiliência, a fortaleza cristã

A “tempestade” causada pela atual pandemia da COVID-19 nos coloca todos sob pressão, diz a diretora do centro, Donna Orsuto, professora de Espiritualidade na Pontifícia Universidade Gregoriana.

“Como diz o Papa Francisco, a crise expôs nossa vulnerabilidade. Ela revelou aquelas falsas e supérfluas certezas sobre as quais construímos nossas rotinas”, afirma.

Embora a palavra “resiliência” seja um termo da psicologia, pode ser pensada também na espiritualidade cristã no contexto da virtude da “fortaleza”, diz.

“Uma resposta é ser proativos, nutrir a resiliência pessoalmente, em nossas famílias e comunidades, na Igreja, e na comunidade global”, comenta a teóloga. 

Não só resistir, mas se transformar

“A resiliência é um dom que vem de Deus e nos dá coragem e força, e nos permite superar o medo. Não queremos simplesmente sobreviver a essa crise ou a uma próxima que apareça no caminho, mas esperamos, com a ajuda de Deus, ser transformados em mulheres e homens capazes de fazer a diferença para outros por meio de uma vida de serviço”, resume a professora Orsuto.

Entre os autores dos textos semanais está um brasileiro: o jornalista Filipe Domingues, que foi consultor no Sínodo dos Bispos sobre os jovens, em 2018.

Há também o arcebispo Ian Ernest, diretor do Centro Anglicano em Roma e representante do Arcebispo de Cantuária junto à Santa Sé; a religiosa Maryanne Loughry, membro do Instituto de Irmãs da Misericórdia na Austrália e em Papua Nova Guiné; e a psiquiatra e psicanalista Catherine Stevenson, de Houston (EUA).

Participação

Quem estiver interessado em receber os textos ou participar do evento online pode se cadastrar no site do Lay Centre.

A transmissão do dia 18 será feita pelo Facebook. Para ter acesso à tradução de algum dos textos em português, é possível escrever para info@laycentre.org.

O Lay Centre é uma residência universitária e comunidade de leigos em Roma, que também promove o diálogo entre as religiões e a unidade dos cristãos.

29 outubro 2020, 10:35