Busca

Vatican News
Todas as celebrações serão transmitidas pela TV ou em redes sociais católicas Todas as celebrações serão transmitidas pela TV ou em redes sociais católicas  (ANSA)

Cristo Redentor recebe missas para comemorar o Dia dos Pais

As celebrações vão homenagear as vítimas e as famílias que perderam pais e entes queridos na pandemia. As transmissões serão realizadas, ao vivo, diretamente do Santuário Cristo Redentor. A primeira missa será às 6h30, na TV Globo, e a segunda às 11h com transmissão dos canais de TV de inspiração católica, como Rede Vida e Pai Eterno, e pelos canais de YouTube da CNBB e Caritas Brasileira.

Vatican News

No Dia dos Pais, comemorado no dia 9 de agosto, a Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB) e a Cáritas Brasileira, com apoio do Verificado – iniciativa das Nações Unidas para o combate à desinformação – promoverão duas missas aos pés de uma das sete maravilhas do mundo – o Cristo Redentor, no Rio de Janeiro. As celebrações vão homenagear as vítimas e as famílias que perderam pais e entes queridos na pandemia, que já levou mais de 716 mil vidas em todo o mundo, sendo aproximadamente 98 mil mortes no Brasil. As transmissões serão realizadas ao vivo diretamente do Santuário Cristo Redentor. A primeira missa será às 6h30, na TV Globo e, logo após, às 11h haverá uma segunda celebração transmitida pelas TVs de inspiração católica, como REDEVIDA e Pai Eterno, e pelos canais de YouTube da CNBB e Cáritas Brasileira.

Durante ambas celebrações, haverá o lançamento de um vídeo inédito com um poema de autoria do cardeal, poeta e teólogo português José Tolentino Mendonça, lido e interpretado pelo ator Tony Ramos, que almeja tocar os corações dos brasileiros com palavras de esperança e solidariedade, e, por meio delas, trazer luz aos dias que estão por vir.  Emocionado com o momento crítico pelo qual o planeta está passando, o ator ressaltou: “O mundo só pode ficar melhor se nos respeitarmos. Uma frase antiga de um pensador inglês diz: ‘Cuidado: ódio gera doenças graves, tenhamos amor dentro de nós’. Sonhemos com um mundo melhor, é possível e, agora, depende de nós”.

O cardeal brasileiro dom Orani João Tempesta, arcebispo do Rio de Janeiro (RJ), que presidirá as duas missas, fará uma bênção especial às famílias e a todos os afetados pela pandemia. “O Cristo Redentor, mais uma vez, abre os braços ao mundo para lembrar de todas as vítimas e famílias que perderam seus entes queridos em decorrência da pandemia. Também, neste segundo domingo de agosto, que é dedicado aos pais, rezemos pedindo a Deus que abençoe a todos”, disse o cardeal.

As celebrações com o tema “Para Cada Vida” contam com o apoio do projeto Verificado, uma iniciativa global da Nações Unidas, que busca inundar os canais de comunicação com informações verificadas e transmitidas pela ONU envolvendo os temas de ciência, solidariedade e soluções, combatendo, assim, a infodemia de desinformações em meio a esta pandemia que assola o mundo. O projeto conta com a colaboração da Purpose, uma das maiores organizações de mobilização social do mundo, e com o apoio de articulação do NEXUS, movimento global que facilita espaços de encontro entre as novas gerações de filantropos, empreendedores sociais e investidores de impacto.

Em primeiro de julho, também com o conceito “Para Cada Vida”, foi realizada uma missa em tributo às vítimas da COVID-19, celebrada na igreja São José da Lagoa e uma projeção especial no Cristo Redentor com imagens emocionantes. A mensagem de solidariedade chegou a mais de 25 países e a quase 300 milhões de pessoas, trazendo luz ao triste momento que o país vem atravessando durante a pandemia.

Colaboração: CNBB

09 agosto 2020, 09:13