Busca

Vatican News
O porta-voz da Igreja Copta Ortodoxa convidou todos a escolher Bíblias e Evangelhos impressos e distribuídos por editoras autorizadas O porta-voz da Igreja Copta Ortodoxa convidou todos a escolher Bíblias e Evangelhos impressos e distribuídos por editoras autorizadas  (AFP or licensors)

Igrejas Coptas alertam para versões falsas da Bíblia distribuídas aos egípcios

.

Cidade do Vaticano

Ouça e compartilhe!

Porta-vozes das Igrejas Copta-Ortodoxa e Copta-Católica expressaram preocupação com a crescente difusão de livros distribuídos gratuitamente entre a população egípcia, caracterizados por títulos que remetem ao Evangelho ou à Bíblia, mas cujos conteúdos são totalmente incompatíveis com as verdades da fé relatadas no Antigo e no Novo Testamento.

O sacerdote copta-ortodoxo Boutros Halim, porta-voz da Igreja Copta-Ortodoxa, denunciou a crescente disseminação de livros enganosos, que buscam atrair a atenção do leitor inserindo na capa o título "Evangelho Autêntico de Cristo", e pediu às autoridades competentes que intervenham para impedir a circulação dessas obras, com o objetivo de confundir os fiéis e criar mais pontos de tensão social. Padre Halim também convidou todos a escolher Bíblias e Evangelhos impressos e distribuídos por editoras autorizadas, como a Casa da Bíblia.

O porta-voz da Igreja Copta-Ortodoxa também denunciou a difusão maciça de textos pelas redes sociais, que por trás de títulos místicos escondem falsificações dos textos bíblicos e dos Evangelhos. Alguns desses textos, em particular, se apresentam como versões "autênticas" da "doutrina dos apóstolos" ou se propõem como "leituras místicas" do Evangelho de João.

Advertências semelhantes também foram expressas recentemente pelo bispo copta-católico Hani Bakhoum Kiroulos, responsável pelas comunicações da Igreja Copta-Católica.

(GV - Agência Fides)

17 julho 2020, 11:57