Busca

Vatican News
Torres da Catedral de Dresden (dir) e do Castelo (esq) Torres da Catedral de Dresden (dir) e do Castelo (esq) 

Com Covid-19, menos ordenações na Alemanha, que registra queda nas vocações sacerdotais

De 2001 a 2010, o número de ordenações sacerdotais estava entre 81 e 131; nos anos 90, entre 139 e 295, mas já havia uma diminuição entre 1962 (557) e 1970 (303). Ao mesmo tempo, avaliando os dados dos seminários, também se prevê uma diminuição no número das vocações.

Vatican News

[ Audio Embed Ouça e compartilhe!]

57 ordenações sacerdotais em 27 dioceses: este é a previsão da Igreja Católica na Alemanha para 2020, de acordo com uma análise do jornal "Augsburger Allgemeine", referida pela agência Kath.

Um número que é o segundo mais baixo da história do país, depois das 55 ordenações do ano passado. Na origem da diminuição, determinante a pandemia de Covid-19, que forçou o adiamento de muitas ordenações sacerdotais.

Mas se verifica também uma tendência a um menor número de ordenações: "Nos últimos vinte anos – lê-se no artigo - o número diminuiu mais de 60%; em 2000, houve 154 ordenações e a última vez em que a quota ultrapassou cem foi em 2007".

Ouça e compartilhe!

"Trata-se de uma tendência alarmante - comenta Thomas Sternberg, presidente do Comitê Central dos Católicos alemães (Zdk). No ano passado, houve uma nova ordenação para cada onze sacerdotes que se aposentaram".

Por seu turno, o bispo de Augusta, Dom Bertram Meier, busca relançar a vocação: "Precisamos ter a coragem de se dirigir aos jovens de maneira discreta, mas objetiva, oferecendo testemunhos credíveis e uma animação vocacional em nível paroquial". Desse modo, conclui, os jovens poderão se apaixonar pela missão sacerdotal.

Vatican News Service - IP

15 julho 2020, 07:59