Busca

Vatican News
Os prelados também convidam os quenianos a se unirem em oração e a serem solidários com aqueles que combatem o coronavírus na linha de frente e se sacrificam para salvar vidas humanas. Os prelados também convidam os quenianos a se unirem em oração e a serem solidários com aqueles que combatem o coronavírus na linha de frente e se sacrificam para salvar vidas humanas.  (AFP or licensors)

Bispos no Quênia pedem transparência no uso de fundos de combate à Covid-19

"Como Igreja, apreciamos as várias medidas tomadas pelo governo para conter a propagação da pandemia em nosso país. No entanto, estamos preocupados com as notícias segundo as quais, alguns fundos destinados para conter a pandemia, teriam sido utilizados indevidamente", dizem os bispos.

Vatican News

Por ocasião da festa do Bom Pastor, no domingo 3 de maio, a Conferência Episcopal do Quênia (KCCB) - relata o Serviço de Informação Católica para a África -, em uma declaração lida após a Missa transmitida ao vivo por Dom John Oballa , vice-presidente da KCCB, expressou sua preocupação pela má administração de fundos para conter a Covid-19.

"Como Igreja - afirmam os bispos -, apreciamos as várias medidas tomadas pelo governo para conter a propagação da pandemia em nosso país. No entanto, estamos preocupados com as notícias segundo as quais, alguns fundos destinados para conter a pandemia, teriam sido utilizados indevidamente".

Dom Oballa, que também é presidente da Comissão de Justiça e Paz, pediu ao governo que garanta que os fundos sejam direcionados para combater a pandemia e conduzir o país de volta à normalidade.

O prelado também exortou o governo a apoiar estruturas religiosas, a maior parte das quais servem as populações em territórios inacessíveis e de difícil acesso, incluindo-as na distribuição de equipamentos de proteção individual (EPI) e permitindo que seus profissionais de saúde tenham acesso ao tratamento do governo para a Covid-19 e às estruturas para a quarentena.

Por fim, convidou os quenianos a se unirem em oração e a serem solidários com aqueles que combatem o coronavírus na linha de frente e se sacrificam para salvar vidas humanas.

06 maio 2020, 07:39