Busca

Vatican News

Reaberta Basílica da Natividade em Belém

.Por razões de segurança e para evitar o risco de uma nova propagação do coronavírus - especifica a declaração dos chefes das três comunidades que guardam a Basílica - o número de fiéis será inicialmente limitado a 50, como ocorre com a Basílica do Santo Sepulcro.

Vatican News

Após a reabertura da Basílica do Santo Sepulcro, ocorrida oficialmente no domingo, o Custódio da Terra Santa, padre Francesco Patton ofm, e os patriarcas greco-ortodoxo e armênio de Jerusalém, respectivamente, Theophilus III e Nourhan Manougian, anunciaram na segunda-feira que neste dia 26 de maio seria também reaberta a Basílica da Natividade em Belém.

Ouça e compartilhe

Coube ao bispo greco-ortodoxo Theophylactos reabrir a Igreja da Natividade na cidade de Belém, na Cisjordânia, na manhã desta terça-feira, após 82 dias fechada por determinação Ministério da Saúde da Palestina como medida para conter a disseminação do coronavírus.

Por razões de segurança e para evitar o risco de uma nova propagação do coronavírus - especifica a declaração dos chefes das três comunidades que custodiam a Basílica - o número de fiéis será inicialmente limitado a 50, como ocorre com a Basílica do Santo Sepulcro.

Terão acesso apenas pessoas que não têm febre ou sintomas de infecção e usam proteção adequada no rosto. Também é necessário respeitar a distância mínima de segurança de 2 metros e "evitar qualquer ato de devoção que possa envolver contato físico, como tocar e beijar as pedras, ícones, vestimentas e funcionários da Basílica".

26 maio 2020, 09:55