Busca

Vatican News
A República Democrática do Congo registra pouco mais de 800 casos de Covid-19 A República Democrática do Congo registra pouco mais de 800 casos de Covid-19 

Arquidiocese de Kinshasa cria Conselho Administrativo para coordenar saúde

O arcebispo Dom Ambongo também instituiu uma comissão diocesana omposta por clérigos e leigos, para coordenar o projeto da Universidade Católica de Kinshasa.

Vatican News

Um conselho de administração diocesano que coordene as atividades do setor da saúde em Kinshasa, capital da República Democrática do Congo. Esta a decisão tomada por Dom Fridolin Ambongo, arcebispo da cidade particularmente atingida pela epidemia, que foi comunicada no site da Conferência Episcopal. O conselho será presidido pelo arcebispo, enquanto padre François Luyeye foi nomeado como secretário permanente.

Para melhorar o desempenho sanitário das estruturas, o arcebispo também restabeleceu a Diretoria do Escritório Diocesano de Obras Médicas, nomeando a Dra. Josephine Nkoy-Belila e o Dr. Arthur Zowa-Dingamboma como diretores médicos e a Irmã Laurette Lohata como diretora administrativa e financeira.

A situação em Kinshasa, de fato, é muito séria: na terça-feira foi registrado o maior números de caos em um único dia - 92 em todo o país - dos quais  69 apenas na capital, onde também existem 101 casos positivos entre os detidos na prisão militar de Ndolo.

Entre as outras decisões tomadas por Dom Ambongo, está também a nomeação de uma Comissão diocesana para coordenar o projeto da Universidade Católica de Kinshasa. A comissão, composta por clérigos e leigos, será presidida por Emmanuel Eyenga. (RB)

07 maio 2020, 07:41