Busca

Vatican News
Membro da "Row Venice" entrega alimentos a famílias usando as tradicionais gôndolas Membro da "Row Venice" entrega alimentos a famílias usando as tradicionais gôndolas  (AFP or licensors)

Caritas Itália distribuirá € 660 mil em vales-compra

"A emergência ligada à disseminação do Covid-19 - prossegue a nota – mais do que de saúde, está se tornando cada vez mais uma emergência social. Atinge sobretudo quem já vivia em situações de dificuldade ou fragilidade, criando ao mesmo tempo novas situações de pobreza”.

Vatican News

Mais de 660 mil euros em vales-compra: esse é o montante da ajuda que a Caritas Itália distribuirá para os setores mais fracos da população, afetados pela emergência de saúde desencadeada pelo coronavírus. Uma iniciativa de solidariedade criada graças à contribuição da Coop Alleanza 3.0 e que será implementada através da Caritas, localizada nos territórios em que a Cooperativa opera: Vêneto, Friuli-Venezia Giulia, Lombardia, Emília-Romanha, Marcas, Lácio, Abruzzo, Apúlia, Basilicata e Sicília.

Ouça e compartilhe!

“Os vales-compra, que poderão ser gastos nos supermercados e hipermercados da Coop Alleanza 3.0 – informa um comunicado de imprensa da Caritas italiana - serão de dois tipos: de 50 e 100 euros. As Caritas diocesanas usarão os vales de 50 euros em favor das famílias em dificuldade, enquanto os vales de 100 euros também podem ser usados ​​para compras diretas de bens essenciais que serão usados ​​em armazéns, serviços de entrega a domicílio e refeitórios".

A iniciativa insere-se no âmbito da campanha "Emergência coronavírus: a concretude da caridade" lançada pela Caritas Itália para "fortalecer o valor da comunhão e da responsabilidade".

"A emergência ligada à disseminação do Covid-19 - prossegue a nota – mais do que de saúde, está se tornando cada vez mais uma emergência social. Atinge sobretudo quem já vivia em situações de dificuldade ou fragilidade, criando ao mesmo tempo novas situações de pobreza”.

Por esse motivo, as Caritas diocesanas, "graças ao esforço dos operadores e voluntários, não deixam de garantir seus serviços, adaptando-os à situação contingente, operando em condições difíceis, sempre com as devidas precauções".

19 abril 2020, 07:40