Busca

Vatican News
Bispo emérito da Diocese de Meru, no Quênia, faleceu aos 91 anos em 28 de abril no Hospital de Rivoli, no Piemonte, onde residia. Bispo emérito da Diocese de Meru, no Quênia, faleceu aos 91 anos em 28 de abril no Hospital de Rivoli, no Piemonte, onde residia.  (ANSA)

Igreja na África chora a morte de Dom Silas Njiru, segundo bispo africano vítima de Covid-19

Nascido em Meru em 1928 e ordenado sacerdote em 1955, Dom Njiru havia sido nomeado em 1976 à frente da diocese da mesma cidade, que guiou até 2004.

Vatican News

Ouça e compartilhe!

A Igreja na África chora a morte de outro bispo vítima de Covid-19. Dom Silas Silvius Njiru, bispo emérito da Diocese de Meru, no Quênia, faleceu aos 91 anos em 28 de abril no Hospital de Rivoli, no Piemonte, onde residia. A notícia foi divulgada pelo secretário geral dos Missionários da Consolata, padre Pedro José da Silva Luoro, em comunicado publicado no site Recowa-Cerao, a Conferência Episcopal Regional da África Ocidental.

 

Nascido em Meru em 1928 e ordenado sacerdote em 1955, Dom Njiru havia sido nomeado em 1976 à frente da diocese da mesma cidade, que guiou até 2004. É o segundo bispo africano a perder a vida em função da Covid-19 e o terceiro a contrair o vírus. Em 15 de abril, Dom Gérard Mulumba, bispo emérito de Mweka, na República Democrática do Congo, faleceu aos 82 anos.

Já o cardeal Philippe Nakellentuba Ouédraogo, arcebispo de Ouagadougou, Burkina Faso e presidente do Simpósio das Conferências Episcopais da África e Madagascar (Secam), recebeu alta de uma clínica na capital, onde havia sido hospitalizado após ser testado positivo para o vírus.

Entre as vítimas de Covid-19, o bispo salesiano italiano Dom Angelo Moreschi, vigário apostólico de Gambella, Etiópia, que faleceu no hospital de Brescia na noite entre 24 e 25 de março. O prelado estava já há algum tempo no Instituto salesiano de Nave, sua cidade natal, devido a problemas de saúde que o obrigaram a deixar sua amada missão africana, para onde esperava retornar. O quadro de sua saúde se agravou depois de ele ter contraído o coronavírus, que levou à sua morte.

30 abril 2020, 15:27