Busca

Vatican News

Um sacerdote armênio-católico é morto em emboscada na Síria

Padre Ibrahim Hanna Bidu foi assassinado por dois homens com tiros de arma de fogo quando se dirigia de automóvel à localidade de Deir ez-Zor, situada no distrito de Busayr, para verificar as condições de uma igreja armênia. A emboscada teria sido reivindicada pelo autoproclamado "Estado Islâmico" (EI)

Cidade do Vaticano

Oriente Médio. Um sacerdote armênio-católico foi morto numa emboscada no noroeste da Síria, região sob controle das forças curdo-sírias. É o que informa a agência oficial armênia Armenpress e outros meios de comunicação e fontes locais da agência Ansa.

Ouça e compartilhe!

 

Trata-se de Pe. Ibrahim Hanna Bidu, sacerdote da comunidade armênia-católica de Qamshili. Ele foi assassinado por dois homens com tiros de arma de fogo quando se dirigia de automóvel à localidade de Deir ez-Zor, situada no distrito de Busayr, para verificar as condições de uma igreja armênia. Segundo a agência Ansa, a emboscada teria sido reivindicada pelo autoproclamado “Estado Islâmico” (EI).

11 novembro 2019, 17:59