Cerca

Vatican News

Uma freira brasileira entre os migrantes em Tijuana

Ir. Janete Ferreira é scalabriniana e está em Tijuana concretizando o novo projeto da Congregação: o serviço itinerante em meio aos migrantes que tentam cruzar a fronteira com os Estados Unidos

Bianca Fraccalvieri - Cidade do Vaticano

Fidelidade criativa ao carisma: o Papa Francisco pediu e as scalabrianianas responderam.

Para combater os inúmeros desafios que as congregações religiosas devem enfrentar, há tempos o Pontífice pede que os consagrados voltem a beber da fonte originária, daquele primeiro amor e inspiração dos fundadores.

O Serviço Itinerante é a resposta que a Congregação das Irmãs Missionárias de São Carlos Borromeu encontrou para estar ainda mais presente em meio aos migrantes, seu carisma original.

No norte do México, duas cidades foram escolhidas para este projeto: Ciudad Juárez e Tijuana. Na fronteira com os Estados Unidos, atua a brasileira Ir. Janete Ferreira.

Ouça a reportagem completa!

Em depoimento ao Vatican News, ela conta que Tijuana está recebendo muitos migrantes que ainda nutrem o sonho de cruzar a fronteira e aqueles que tiveram o sonho frustrado ao serem deportados.

Existem na cidade 30 albergues que acolhem essas pessoas, dos quais 85% é administrado por organizações ligadas à Igreja, não só católica. As condições são precárias: há migrantes dormindo no chão e com problemas de saúde.

O trabalho da Ir. Janete é fazer um diagnóstico das necessidades dos albergues e fazer contatos para angariar fundos e comprar o básico, como alimentos e produtos de higiene.

Cruzando o México de sul a norte, os migrantes são oriundos sobretudo de Honduras, El Salvador, Nicarágua e Guatemala. Há também africanos e haitianos. A busca pelo sonho americano, todavia, acarreta sofrimentos:

“ A maioria já vivenciou sofrimentos muito grandes: abandonos, violações dos direitos humanos, fome, sede, falta de assistência, muito feridos em sua dignidade e corpo. Os deportados deixaram família e sonhos. Nosso trabalho é levar esperança para essas pessoas. ”

17 maio 2019, 11:03