Busca

Vatican News
Mapeamento na diocese: identificar onde a luz de Cristo não está chegando para afugentar a escuridão e a neblina Mapeamento na diocese: identificar onde a luz de Cristo não está chegando para afugentar a escuridão e a neblina 

Dom Petrini: Evangelização que chegue a periferias é tarefa urgente

O bispo de Camaçari - BA nos diz que se tem procurado atender ao pedido do Papa Francisco de uma evangelização que chegue às periferias geográficas, sociais e existenciais, e que tal tarefa constitui uma realidade urgente. “Que cada um possa encontrar também o Senhor Jesus como o Salvador e Aquele que vence o mal e vence a morte”, enfatiza nosso convidado

Raimundo de Lima - Cidade do Vaticano

Amigo ouvinte, prosseguimos estes dias em nosso quadro “Nova Evangelização e Concílio Vaticano II” com a participação do bispo da Diocese de Camaçari – BA, Dom João Carlos Petrini, enriquecendo-nos com suas considerações, reflexões e ponderações lançando-nos um olhar sobre a caminhada pós-conciliar da Igreja no Brasil e América Latina.

Periferias geográficas, sociais e existenciais

Atendo-se a essa caminhada e aos desafios pastorais que se apresentam em sua diocese, nosso convidado nos diz que se tem procurado atender ao pedido do Papa Francisco de uma evangelização que chegue às periferias geográficas, sociais e existenciais, e que tal tarefa constitui uma realidade urgente.

 

Nesse sentido, Dom Petrini fala-nos inicialmente daqueles lugares, territórios e ambientes que exigem uma maior presença da Igreja e numa realidade como a da cidade sede da diocese – Camaçari – em constante transformação, onde em pouco espaço de tempo surge um novo loteamento, novo bairro, novo condomínio, às vezes as paróquias têm dificuldade de responder pastoralmente às novas exigências.

Fala-nos da realização de um mapeamento na diocese a fim de identificar onde é que a luz de Cristo não está chegando para afugentar um pouco a escuridão e a neblina e sobre a necessidade de se pensar uma pastoral que possa chegar também às escolas, universidades e empresas. “Que cada um possa encontrar também o Senhor Jesus como o Salvador e Aquele que vence o mal e vence a morte”, enfatiza nosso convidado. Vamos ouvir: (Dom Petrini)

17 maio 2019, 13:50