Cerca

Vatican News

Igreja em Aleppo: sementes de paz em meio à guerra

A religiosa brasileira Ir. Laudis está participando do Sínodo da Igreja Católica de todos os ritos em Aleppo. Em entrevista ao Vatican News, ela fala também de como estão vivendo a Quaresma em meio ao conflito.

Bianca Fraccalvieri – Cidade do Vaticano

Sementes de esperança na Síria, que nesses dias está completando o triste marco de oito anos de guerra.

A Igreja Católica em Aleppo está realizando neste mês de março o Sínodo de todos os ritos presentes na cidade. Bispos, religiosas e religiosos, sacerdotes, mas também leigos, jovens e famílias estão reunidos para analisar não só temas eclesiásticos, mas assuntos que dizem respeito também à situação no país.

A crise econômica, as necessidades provocadas pela guerra, a identidade cristã, a pastoral familiar, juvenil e idosa estão em pauta.

Brasileira em Aleppo

Deste evento participa a religiosa brasileira Ir. Laudis, da família do Verbo Encarnado.

Em entrevista ao Vatican News, a missionária afirma: “Não se pode estar em Aleppo sem comunhão. É um testemunho que urge”.

Sínodo em Aleppo

Com sotaque espanhol devido à origem de sua família religiosa, Ir. Laudis fala também como a comunidade católica local está vivendo o tempo da Quaresma em meio ainda a ataques, como os desta semana, em que 14 mísseis caíram na cidade. “É um caminho de sofrimento para se chegar à verdadeira Páscoa.”

Quaresma em Aleppo

 

17 março 2019, 11:04