Busca

Vatican News
Detentos trabalham na construção de confessionários  Detentos trabalham na construção de confessionários  

Apenados constroem confessionários para a JMJ no Panamá

35 apenados estão construindo 250 confessionários que serão usados pelos jovens durante a JMJ no Panamá.

Cidade do Vaticano

As Jornadas Mundiais da Juventude tem sido uma excelente oportunidade para a conversão e o reencontro com Deus, o que se dá também pelo Sacramento da Confissão.

Para atender aos milhares de jovens que buscarão este Sacramento, 35 detentos da penitenciária  “La Joya e a Nueva Joya “ no Panama,  estão construindo 250 confessionários, que serão distribuídos no Parque Recreativo Omar,  que será chamado nos dias da Jornada de “Parque do perdão”.

“Ainda que não poderemos estar presentes – declara um dos detentos à Agência Sir – sentimos que estamos fazendo algo importante. E agradeço a Deus pela oportunidade que foi dada a nós, pessoas privadas da liberdade, de dar a nossa contribuição a uma missão assim tão importante como a JMJ”.

Para os apenados que trabalham diariamente das 8 às 16 horas, lixando, pintando e armando as cruzes que serão colocadas nos confessionários de madeira, este não é um “simples trabalho de marcenaria”, mas é algo que contribui com os jovens que poderão “tomar um caminho diferente” daquele por eles tomado.

A design de interiores Lilibeth Bennet, idealizou dois diversos modelos de confessionários, ambos inspirados nas linhas curvas do logotipo, e utilizando as mesmas cores.

(Com Aci Prensa e Sir)

Ouça e compartilhe!
29 dezembro 2018, 10:36