Versão Beta

Cerca

Vatican News

Shalom assume Centro Internacional Juvenil São Lourenço em Roma

“Você de língua portuguesa, especialmente do Brasil, venha conhecer a sua casa em Roma”: este é o convite do pe. Cristiano Pinheiro, assistente internacional da comunidade Shalom.

Elisa Ventura - Cidade do Vaticano

Um local tranquilo, silencioso, de oração. É como um lar, com acolhida, ao lado da Praça São Pedro. O Centro Internacional Juvenil São Lourenço agora está sob responsabilidade da comunidade internacional Shalom, a pedido do Dicastério para os Leigos, a Família e a Vida. Os missionários estão à frente do espaço desde de 1° de outubro.

O espaço é aberto a todos, mas direcionado principalmente ao jovens, como explica o assistente internacional da comunidade Shalom, padre Cristiano Pinheiro. “Os jovens são como que o indutor do carisma Shalom. Então, sem pestanejar, nós aceitamos esse convite. Claro que a gente discerniu, mas era uma coisa muito clara que era a vontade de Deus pra nós”, disse.

O centro está aberto todos os dias, de 11 da manhã até depois da missa, por volta de 19h. Jesus Sacramentado fica exposto das 11h até 17h30 quando é recolhido para a celebração da Santa Missa. Aos sábados, há também grupo de oração, às 17h, seguido da celebração eucarística. Em seguida, de acordo com o padre Cristiano, há sempre um momento para promover a cultura do encontro entre os jovens e anunciar Jesus por meio da diversão, da arte ou da simples convivência fraterna na construção de um testemunho de Cristo.

São João Paulo II

A igreja do Centro São Lourenço foi dedicada aos jovens pelo Papa João Paulo II, idealizador das Jornadas Mundiais da Juventude. Nela, ele colocou a cruz do Ano da Redenção, que se tornou depois a famosa cruz peregrina da JMJ. Há também um ícone de Nossa Senhora trazido pelo Santo Padre que são como as grandes relíquias do centro.

“Quando nós rezávamos para assumir esse trabalho aqui, uma coisa que Deus nos mostrava, era um sentimento comum nosso, de que jovens de muitas nações viriam aqui descobrir um tesouro, iam colocar esse tesouro dentro do bolso e levar para os seus países. O que que a gente quer? Enriquecer a vida desses jovens com experiências pessoais com Jesus. Que os jovens que vêm aqui, através dessa vida ordinária de oração, de Eucaristia, de amizade, de alegria, de festa, encontrem uma casa no coração da Igreja. Essa é a nossa expectativa”, explica.

Venha visitar!

Ao falar do carinho com que prepararam o espaço para receber os peregrinos que passam por Roma, padre Cristiano faz um convite especial: “Você de língua portuguesa, você do Brasil especialmente, eu quero convidar você para vir conhecer a sua casa em Roma. O coração da Igreja ele é a casa dos jovens. O jovem não é o futuro da Igreja, o jovem é o presente da Igreja, é agora, hoje você tem um lugar na Igreja. Então, você que faz parte da Igreja, você que quer ser protagonista na sua missão, na sua paróquia, na sua comunidade, na sua diocese, quando vier a Roma, venha conhecer a tua casa, venha rezar um pouco, venha fazer amizade com outros jovens de várias partes do mundo. É alegria garantida”, finalizou.

Ouça a entrevista!
09 novembro 2018, 12:01