Versão Beta

Cerca

Vatican News
Padre Tony Neves Padre Tony Neves 

Portugal: Papa é uma lufada de ar freso”- diz o Padre Tony Neves

Sacerdote espiritano faz balanço positivo do seu mandato de 6 anos no governo da Província Portuguesa do Espirito Santo.

Domingos Pinto - Lisboa

“Eu vivi estes seis anos nesta tensão que é muito criativa e muito desafiante de ajudar a minha Província a construir este projeto missionário global e que fui percebendo que não era fácil”.

Esta foi a grande prioridade apontada pelo padre Tony Neves à VATICAN NEWS no balanço do seu trabalho à frente dos espiritanos portugueses e que marcou o Capítulo provincial da Congregação que encerrou no passado dia 27 de Julho, na Torre D´Aguilha (Carcavelos).

Ouça a reportagem e partilhe

“Um mandato que começou em 2012 na mesma altura em que a nível mundial celebrámos um Capitulo geral na Tanzânia”, lembra o missionário português, ou seja, “fazer com que o coração da congregação bata ao ritmo do coração da igreja e ao ritmo do coração do mundo. Esse foi o desafio”.

Destes dois mandatos, o padre Tony Neves lembra o percurso realizado, como “a celebração dos 150 anos da chegada dos espiritanos a Portugal, uma celebração muito rica, muito plural com grandes acontecimentos” em todo o país.

Já sobre as grandes preocupações da Congregação, o padre Tony Neves aponta a falta de vocações, mas lança um desafio: “Temos de ajudar a reunir condições para que as pessoas que são chamadas respondam «sim» ao chamamento de Deus. Essa também tem que ser uma linha de força da nossa missão, e é um dos pontos fortes deste nosso projeto missionário global que aprovámos neste Capítulo”.

Ao portal da Santa Sé, o missionário português que vai deixar Portugal já a partir de setembro e partir para nova experiência em terras de missão, diz ainda que o Papa Francisco “é uma lufada de ar fresco e por muitas razões é alguém que salienta esta dimensão missionária sem fronteiras”.

O sacerdote que diz estar disponível para ir para onde a congregação quiser, não deixa de revelar que gostaria de ir para Angola: “Isso seria ouro sobre azul”, desabafa o padre Tony Neves que nos últimos 6 anos conduziu a Província Portuguesa dos Missionários do Espirito Santo.

 

14 agosto 2018, 15:25