Versão Beta

Cerca

Vatican News
Costariquenhos protestam contra presença de migrantes nicaraguenses no país Costariquenhos protestam contra presença de migrantes nicaraguenses no país  (ANSA)

Apelo de Dom Baéz contra xenofobia aos migrantes nicaraguenses na Costa Rica

A crise política e social na Nicarágua levou milhares de cidadãos a buscarem refúgio na vizinha Costa Rica, mas não foram bem recebidos por todos os costarriquenhos. Um protesto no dia 18 acabou em confronto com a polícia.

Cidade do Vaticano

"Tenho certeza de que o povo da Costa Rica não deixará de mostrar sua nobreza e espírito fraterno para com os nossos compatriotas" da Nicarágua, escreveu em um tweet Dom Silvio José Báez, bispo auxiliar da Arquidiocese de Manágua, ao comentar o ocorrido em 18 de agosto na cidade de San José, Costa Rica, onde uma manifestação xenófoba contra imigrantes da Nicarágua degenerou em confrontos com a polícia.

Cidadãos cegados pela xenofobia

 

"Causa-me muita dor o que alguns nicaraguenses sofreram na Costa Rica por parte de cidadãos da Costa Rica cegados pela xenofobia", escreve o prelado, um dos protagonistas da mesa do Diálogo Nacional iniciado e posteriormente  bloqueado na Nicarágua, por intransigência do governo de Daniel Ortega.

Gratidão à Costa Rica por ter aberto as fronteiras 

 

Em outro tweet, Dom Baez pede ao presidente da Costa Rica, Carlos Alvarado, para não permitir que a xenofobia e irracionalidade sujem a nobreza do povo de Costa Rica,  agradecendo a ele “por ter aberto o coração e as fronteiras do país a muitos nicaraguenses que fogem da repressão".

As causas do aumento da intolerância contra migrantes

 

Diversos fatores contribuíram para o aumento da intolerância contra os migrantes nicaraguenses na Costa Rica: por um lado, a polarização do clima político que acompanhou as recentes eleições presidenciais.  Por outro, algumas notícias de jornais sensacionalistas fizeram com que aumentasse a sensação de insegurança dos cidadãos da Costa Rica.

Também a deterioração dos serviços públicos e as condições de vida da população fizeram aumentar as tensões sociais no país.

24 agosto 2018, 11:29