Versão Beta

Cerca

Vatican News
Cardeal João Braz de Aviz Cardeal João Braz de Aviz 

Bispos do Movimento dos Focolares reunidos na Áustria

Até 1º de agosto, 64 bispos (entre os quais cardeais da Cúria e núncios apostólicos) de 31 países e quatro continentes irão viver alguns dias de experiência de Igreja universal entre bispos em Stiria.

Cidade do Vaticano

O encontro dos bispos membros do Movimento dos Focolares teve início na segunda-feira, 23, na cidade austríaca de Seggau.

Até 1º de agosto, 64 bispos (entre os quais cardeais da Cúria e núncios apostólicos) de 31 países e quatro continentes irão viver “alguns dias de experiência de Igreja universal entre bispos em Stiria”, lê-se no comunicado publicado no site da diocese austríaca.

“A tradição destes encontros episcopais teve início há decênios, quando a fundadora do Movimento dos Focolares, Chiara Lubich (1920-2008), convidava alguns bispos ligados ao Movimento para passar alguns dias na Suíça ”, explica a nota.

Mais tarde, foi o então bispo de Aquisgrana, Dom Klaus Hemmerle (falecido em 1994), a iniciar e moderar estes encontros que têm “um caráter deliberadamente privado” e são realizados anualmente em diferentes locais.

O objetivo é “aprofundar o carisma da unidade, cultivar a partilha entre os bispos em nível mundial e passar alguns dias em comunhão fraterna”.

No sábado, 28 de julho, Dom Wilhelm Krautwaschl, bispo da Diocese de Graz-Seckau, celebrará junto aos irmãos no episcopado uma Missa na Basílica de Seckau, “para a qual todos aqueles que desejam participar” são convidados.

O Movimento dos Focolares na Áustria conta com 1.300 membros e mais de 20 mil simpatizantes.

24 julho 2018, 11:19