Versão Beta

Cerca

VaticanNews
Alguns bispos de Costa Rica Alguns bispos de Costa Rica 

Bispos de Costa Rica: disponibilidade total na construção do bem comum

O pequeno país centro-americano é famoso por ser um dos mais atentos no mundo na proteção do ambiente. Em relação aos Estados confinantes possui um nível de segurança maior.

Cidade do Vaticano

“Rezemos por Carlos Andrés Alvarado Quesada, presidente de todos os costarriquenhos, para que o Espírito Santo derrame os seus dons sobre ele e sobre aqueles que o acompanharão nesta missão que lhes foi confiada pelo povo soberano. Deus o ajude a governar para o bem de todos.”

É o que escreve a Conferência Episcopal de Costa Rica cujo presidente é o Arcebispo de San José, Dom José Rafael Quirós Quirós,  na mensagem “Chamados a unir-nos como uma só família”.

Construir o bem comum

A nota é assinada também pelo secretário-geral do organismo, Dom Javier Román Arias, Bispo de Limón, e pelo tesoureiro, Dom José Manuel Garita Herrera, Bispo de Ciudad Quesada e foi divulgada logo após a vitória de Carlos Alvarado Quesada no segundo turno das eleições presidenciais.

“Expressamos as nossas sinceras felicitações”, lê-se no texto. “Que o Senhor lhe dê sabedoria para fortalecer em nossa pátria a justiça, a paz e todos os valores que a maioria da população professa a partir da fé em Cristo.”

Paz, justiça e verdade

“No espírito de unidade nacional proposto pelo novo presidente, manifestamos a nossa disponibilidade total na construção do bem comum, na integridade que este possui esse conceito. Confiamos na força do Ressuscitado, capaz de transformar todas as coisas, para que conduza o nosso país nos caminhos da paz, da justiça e da verdade.”

Novo presidente

No Domingo de Páscoa, 66,46% dos eleitores confirmaram Carlos Alvarado Quesada, escritor, jornalista e ex-ministro do presidente em fim de mandato Luis Guillermo Solís.

O candidato do Partido ‘Ação Cidadã’ obteve 60,66% dos votos, derrotando Fabricio Alvarado Muñoz, candidato do ‘Restauração Nacional’, cantor evangélico. Ele foi o mais votado no primeiro turno e tinha sido dado como favorito nas pesquisas. Os eleitores preferiram a continuidade.

Contexto nacional

O pequeno país centro-americano é famoso por ser um dos mais atentos no mundo na proteção do ambiente. Em relação aos Estados confinantes possui um nível de segurança maior.

A campanha eleitoral foi baseada nas questões éticas, em particular, o casamento entre pessoas do mesmo sexo, apoiado por Carlos Alvarado, e contrário a Fabricio Alvarado.

No entanto, permanece o crescimento do partido pró-evangélico que multiplicou seus votos nos últimos anos.

 

 

 

04 abril 2018, 17:19