Cerca

Vatican News
Dom José Cordeiro, Bispo de Bragança-Miranda Dom José Cordeiro, Bispo de Bragança-Miranda  

Portugal/Bispo Bragança-Miranda: Adultos têm de levar “a sério os jovens” e “confiar neles”

D. José Cordeiro, na missa de Domingo de Ramos, alertou para a desertificação do Nordeste Transmontano e pediu respostas para os jovens.

Domingos Pinto - Lisboa

“O que faz um jovem que não tem trabalho?” - A interrogação foi lançada por D. José Cordeiro neste Domingo de Ramos, 25 de março, na Sé de Bragança.

Uma Eucaristia no Dia Mundial da Juventude que assinalou também os 500 anos da Santa Casa da Misericórdia de Bragança, e o 5.º aniversário do Serviço diocesano da Pastoral do Turismo.

“Quantos jovens são obrigados a sair desta cidade, das vilas e das aldeias deste território do Nordeste Transmontano e de todo o interior de Portugal”, advertiu D. José Cordeiro, que desafiou os fiéis a interrogar-se sobre os motivos que levam os jovens a deixar de sonhar, a sentir “medo”.

D. José Cordeiro lembrou neste contexto que “a todos os adultos é pedido para levarmos a sério os jovens e para confiar neles, para que a Igreja apoie, eleve, seja mais autêntica e mais aberta aos jovens”.

O bispo de Bragança-Miranda pediu ainda mais atenção aos “idosos, doentes, presos, deficientes, vítimas de violência doméstica, sem-abrigo, migrantes e jovens à procura de emprego”.

O prelado destacou a finalizar a importância do batismo, um convite a que “cada um de nós” faça “uma peregrinação à fonte baptismal onde foi baptizado”.

Ouça a reportagem!

 

26 março 2018, 13:06