Versão Beta

Cerca

VaticanNews
Cristãos participam de ato religioso esta Sexta-feira Santa na capital Nova Délhi Cristãos participam de ato religioso esta Sexta-feira Santa na capital Nova Délhi  (ANSA)

Semana Santa: bispos da Índia, "país seja guiado por justiça e verdade"

“Na Sexta-feira Santa refletimos sobre o sofrimento, a paixão e a morte de Jesus. E no Sábado à noite, na Vigília Pascal, celebramos o Senhor que ressuscitou dos mortos – a vitória do bem sobre o poder do mal, o triunfo da vida sobre a morte, do Justo contra as forças da injustiça.”

Cidade do Vaticano

“Nesta Semana Santa rezemos pelo nosso país e por seus líderes políticos, a nível federal e regional, a fim de que possam ser guiados pela justiça e pela verdade. Coloquemos diante de Deus todos os inocentes, que se encontram nas prisões ou sofrem em seus lugares de trabalho, ou que se encontram oprimidos por seus opressores e clamam pela justiça. Imploremos a consolação e o conforto de Deus para todos aqueles que sofrem doenças, opressões e privações.”

Uma mensagem de justiça e de esperança

Espírito com o qual fiéis indianos vivem a Semana Santa

É o que afirma o secretário geral da Conferência Episcopal Indiana, Dom Theodore Mascarenhas, explicando o espírito com o qual os fiéis indianos vivem a Semana Santa. No momento em que a Igreja vive as celebrações que culminarão com o Domingo da Páscoa, o secretário nota que “todos os gestos e os ritos destes dias são muito significativos para a Índia”.

“Durante a Semana Santa refletimos sobre o sofrimento, a Paixão, a morte e a Ressurreição de nosso Senhor Jesus Cristo. Em harmonia com seus ensinamentos de humildade e serviço, na Quinta-feira Santa celebramos a instituição do Sacerdócio cristão e da Santa Missa, comemorando a Última Ceia do Senhor com seus apóstolos eleitos. Nesta celebração o sacerdote lava os pés de seus discípulos para ensinar-lhes o verdadeiro significado da humildade e do serviço.”

O triunfo da vida sobre a morte

“Na Sexta-feira Santa refletimos sobre o sofrimento, a paixão e a morte de Jesus. E no Sábado à noite, na Vigília Pascal, celebramos o Senhor que ressuscitou dos mortos – a vitória do bem sobre o poder do mal, o triunfo da vida sobre a morte, do Justo contra as forças da injustiça.”

Dom Mascarenhas recorda que Jesus, o Filho de Deus, assumiu nossos pecados e nos ensinou a amar e perdoar até ao extremo da morte na cruz. Sua vida e sua morte é descrita nas seguintes palavras pelo Mahatma Gandhi: “um homem completamente inocente, se ofereceu como sacrifício para o bem dos outros, inclusive seus inimigos, e tornou-se o resgate do mundo”.

A verdade prevalece

Este gesto, continua o prelado, impressiona profundamente homens de todas as religiões e culturas na Índia: “Jesus ressuscitou da morte e a sua ressurreição é a fonte da esperança para nós porque, afinal, como diz a máxima sânscrita ‘Satyameva Jayate’ – a verdade prevalece”.

Com a Páscoa, os cristãos enviam e testemunham “uma mensagem de justiça e de esperança” a todo o país: “Possam a alegria, a paz e o amor de Jesus Cristo estar com cada indiano e invadir toda a nação, a sociedade e a política. Esses são os votos e os auspícios que expressamos por ocasião da Pascoa”, conclui Dom Mascarenhas.

(Agência Fides)

30 março 2018, 20:00