Busca

Vatican News
D. Manuel Antonio Mendes dos Santos, Bispo de Sao Tome e Principe D. Manuel Antonio Mendes dos Santos, Bispo de Sao Tome e Principe 

D. Manuel António: fazer da Quaresma tempo de reconciliação e comunhão

O Bispo da Diocese de São Tomé e Príncipe, D. Manuel António Mendes dos Santos, na celebração da Quarta-feira de Cinzas que também marcou os 14 anos da sua Ordenação como Bispo da Diocese, exortou os fiéis a fazer da Quaresma tempo de reconciliaçã e comunhão, sobretudo em tempo de pandemia.

Melba Afonso – Rádio Jubilar, São Tomé e Príncipe

A celebração do início da Quaresma no passado dia 17 de fevereiro, com a comemoração dos 14 anos de episcopado do Bispo D. Manuel António, coincidiu com a festa do Bocado, momento em que os idosos são valorizados na família e no País – este ano fortemente condicionada pelas restrições devido à pandemia da Covid-19.

Oiça aquia reportagem e partilhe

Apesar das dificuldades o Prelado e os sacerdotes  têm realizado regularmente a sua missão de evangelizar e, embora a comemoração propriamente dita não tenha sido feita, não faltou uma Missa de acção de graças juntamente com celebração da Quarta feira de Cinzas.

De salientar que, no mesmo dia, culturalmente o País comemora o “Dia dos Bocados”, dia em que as famílias se reúnem com a pessoa idosa da casa e partilham os pratos típicos da terra e, na ocasião, D. Manuel António Mendes do Santos exortou os fiéis a fazer da Quaresma o grande tempo da reconciliação e comunhão.

Até ao momento não existe um programa da diocese para este tempo da Quaresma, devido às limitações e condicionamentos impos pela pandemia, explicou o Prelado.

20 fevereiro 2021, 10:51