Busca

Vatican News
D. Zeferino Zeca Martins, Arcebispo do Huambo (Angola) D. Zeferino Zeca Martins, Arcebispo do Huambo (Angola) 

Angola. Seminário Maior de Cristo Rei abre ano de 2021 com quase 400 estudantes

Os desafios actuais da sociedade e da Igreja exigem uma formação multidisciplinar dos futuros sacerdotes, afirmou o Arcebispo do Huambo, em Angola, D. Zeferino Zeca Martins, no acto que marcou a abertura do ano lectivo 2021, no Seminário Maior de Cristo Rei.

Anastácio Sasembele – Luanda, Angola

Fundado a 18 de setembro de 1947, o Seminário Maior Interdiocesano de Cristo Rei, na Arquidiocese do Huambo, vai contar neste presente ano lectivo (2021), com 399 Seminaristas, provenientes das dioceses de Kuito-Bié, Ondjiva-Cunene e Huambo, para as secções de Filosofia e Teologia.

Oiça aquia reportagem e partilhe

Na Missa de abertura do novo ano lectivo o Arcebispo do Huambo, D. Zeferino Zeca Martins, perspectivou melhor formação dos futuros obreiros da Igreja em relação aos anos anteriores.

Solicitou as instituições públicas, privadas, pessoas singulares e benfeitores a prestarem atenção aos Seminários existentes no País, por serem a garantia da Igreja e da sociedade em geral.

Aos futuros sacerdotes, o prelado apelou no sentido de se dedicarem à formação académica e religiosa, para que sejam colhidos a nível da instituição de ensino homens íntegros, capazes de responderem às novas exigências da evangelização e do País.

Apesar das dificuldades impostas pela Covid-19, todas as condições estão criadas para o arranque do novo ano lectivo, como fez saber o Padre Firmino David, Reitor do Seminário de Cristo Rei, Secção de Teologia. 

Para os futuros sacerdotes, as bases para mais um ano lectivo estão lançadas, Deus é a força e a esperança para a concretização do chamamento, porque “a messe é grande, mas os trabalhadores são poucos”.

21 janeiro 2021, 09:11