Busca

Vatican News
Bispos da Conferência Episcopal de Angola e São Tomé (CEAST) Bispos da Conferência Episcopal de Angola e São Tomé (CEAST) 

Angola. Plenária da CEAST debate plano pastoral trienal dedicado à criança

O Plano Pastoral Nacional para o Triénio 2021-2024, dedicado à criança e à reflexão sobre a Igreja em Angola estão entre os principais assuntos da II Assembleia Plenária Anual dos Bispos da Conferência Episcopal de Angola e São Tomé (CEAST), reunidos de 7 a 13 de outubro, na diocese do Lwena (Moxico).

Anastácio Sasembele  - Luanda, Angola

Os Bispos da CEAST procuraram desafiar todas as adversidades impostas pelas estradas que dão à longínqua Vila de Cazombo, palco da II Assembleia Plenária Anual e última dos Bispos da Conferência Episcopal de Angola e São Tomé, neste presente ano.

Oiça aqui a reportagem e partilhe

Imbuídos com o espírito de uma “Igreja em saída”, os prelados resolveram constatar e partilhar in loco, as reais dificuldades das populações de lugares mais recônditos de Angola, como é o caso da Vila de Cazombo, município do Alto Zambeze, província do Moxico, no leste de Angola, que dista a mais de 1200 quilómetros da cidade capital do País, Luanda.

Na solene abertura do evento, nesta quarta-feira (07/10), o presidente da CEAST, D. Filomeno do Nascimento Vieira Dias, manifestou preocupação com a brutal agressão que está a ser feita ao meio ambiente.

“Durante o nosso difícil percurso rumo à Vila de Cazombo assistimos as marcas de uma das maiores catástrofes ambientais da nossa história”, disse D. Filomeno, que sugeriu a criação de um observatório independente para contrapor a degradação ao meio ambiente no País.

A olhar para as preocupações das populações desta localidade, D. Filomeno disse ser urgente traçar políticas públicas que visam acabar com as assimetrias de desenvolvimento, no sentido de se minimizar o sofrimento da população desfavorecida que carece de quase tudo.

O Plano Pastoral Nacional para o triénio (2021/2024), dedicado à criança e à reflexão sobre a Igreja em Angola, está entre os principais assuntos da II e última Assembleia Plenária Anual dos Bispos da CEAST.

D. Filomeno informou que o Plano Pastoral trienal dedicado à criança resulta de um imperativo evangélico e de uma constatação social, a situação da infância em Angola que continua a ser pautada por um conjunto de indicadores preocupantes, como o aumento de crianças de rua e o número crescente de crianças fora do sistema de ensino e sem registo.

08 outubro 2020, 12:24