Cerca

Vatican News
Jorge Carlos Fonseca (D) e Francisco Ribeiro Telles (E), na sede da CPLP Jorge Carlos Fonseca (D) e Francisco Ribeiro Telles (E), na sede da CPLP  (Fernando Pineza)

CPLP espera eleições "livres e justas" na Guiné-Bissau

Jorge Carlos Fonseca, Presidente de Cabo Verde e Presidente em exercício da CPLP, está de visita a Portugal.

Domingos Pinto – Lisboa  

"O essencial é que o processo eleitoral decorra com normalidade" e que as eleições sejam reconhecidas como "livres e justas" pelos atores políticos guineenses.

É a expetativa e a convicção em relação às próximas eleições na Guiné-Bissau previstas para março de Jorge Carlos Fonseca, Presidente de Cabo Verde que visitou esta 2ª feira, 18 de fevereiro, e pela 1ª vez enquanto Presidente em exercício da Comunidade de Países de Língua Portuguesa (CPLP), a sede da organização, em Lisboa.

Oiça aqui a reportagem e partilhe:

Uma visita no âmbito da deslocação de três dias que está a efetuar a Portugal e que teve início no passado domingo junto da comunidade cabo-verdiana no Seixal, distrito de Setúbal, onde tiveram lugar os incidentes entre a polícia e moradores que ocorreram no bairro da Jamaica em janeiro.

Conhecer a realidade e reforçar sentimento de pertença

Uma "coincidência", garantiu o Chefe de Estado cabo-verdiano que quis conhecer a realidade dos cidadãos e reforçar o "sentimento de pertença" ao país.

Desta visita à sede da CPLP, Jorge Carlos Fonseca destacou os temas debatidos com o secretário-executivo, o português Francisco Ribeiro Telles, e com todos os representantes permanentes da organização.

Facilitar circulação dos cidadãos lusófonos

Em cima da mesa, como referiu aos jornalistas, estiveram várias questões, como o programa da presidência cabo-verdiana e o plano de atividades para o biénio 2018-2020, com destaque para o tema da facilitação da circulação dos cidadãos lusófonos, uma proposta de Cabo Verde e Portugal.

19 fevereiro 2019, 12:22