Cerca

Vatican News
2018.11.12 Adina Suahele, Jornalista e locutora da Radio Encontro - Mocambique Adina Sualehe, em Joanesburgo, no workshop sobre comunicação, organizado pela IMBISA 

Conciliar família e trabalho - desafio para a mulher

Adina Suahele é jornalista da Emissora católica de Nampula, Rádio Encontro. Participou recentemente num worshop sobre comunicação, organizado pela IMBISA, em Joanesburgo. Ocasião em que falou, em entrevista, do trabalho que faz (reportagens sobre temas sociais) e do desafio que a mulher tem de enfrentar para conciliar família, maternidade e trabalho.

Dulce Araújo - Cidade do Vaticano

Teve lugar de 4 a 7 de Novembro,  na cidade sul-africana de Joanesburgo, um workshop sobre comunicação social para os agentes de comunicação na área da IMBISA, organismo que congrega as Conferências Episcopais da África Austral. Objectivo: favorecer o conhecimento da IMBISA na sociedade e melhorar a comunicação entre os Bispos que dela fazem parte.

Adina, uma das participantes

Organizado com o apoio dos Bispos Católicos dos Estados Unidos, o encontro foi conduzido por Sean Lovet, Responsável do Programa Inglês da Rádio Vaticano, e pelo Instituto dos Jesuítas na África do Sul. Nele tomou parte um bispo, padres e leigos. Adina Sualehe foi uma das participantes. Ela é jornalista da emissora católica de Nampula (norte de Moçambique), “Rádio Encontro”.  É também correspondente da Voz da América.

Reportagens sobre questões sociais

O trabalho da Adina na Rádio Encontro consiste essencialmente em reportagens sobre questões sociais,  tais como os serviços básicos para a população local: saúde, edução, água, etc.  A sua atenção vai também para os milhares de refugiados que vivem no Centro de Maratane, o maior centro de refugiados em Moçambique.  Provêm de vários países africanos (República Democrática do Congo, Somália, Ruanda, Burundi, Etiópia, etc.) e as reportagens da Adina são sobretudo sobre o processo de adaptação e as oportunidades que o país de acolhimento possa oferecer.

Conciliar família, filhos e trabalho: um desafio para a mulher

Adina é actualmente a única mulher a trabalhar como jornalista na Rádio Encontro. Outras por lá têm passado, mas não ficam. O perno da questão da escassa presença de mulheres nos meios de comunicação da Igreja é a dificuldade que as mulheres encontram em conciliar trabalho e família. Pressionadas socialmente, acabam por renunciar ao trabalho fora de casa.

Programas radiofónicos sobre direitos da mulher e participação política

A Rádio Encontro tem feito programas sobre os direitos das mulheres e a participação política da mulher, e isto reflecte-se positivamente no facto de Nampula ter tido o maior número de mulheres eleitas localmente em Moçambique.  Uma satisfação, mas o caminho a percorrer é ainda longo. Felizmente, no país – frisa Adina em entrevista a Sheila Pires da Rádio Veritas (Joanesburgo) – mulheres e homens estão mobilizados no combate a factores que entravam a plena participação da mulher na vida social e da Igreja, como os casamentos precoces.

Oiça

 

12 novembro 2018, 10:47