Versão Beta

Cerca

Vatican News
Capítulo geral dos Frades Menores Capuchinhos Capítulo geral dos Frades Menores Capuchinhos 

“Conselheiro que se preocupe com o sul do mundo”: Frei A. Fidalgo

“Nosso objectivo desta vez é conseguirmos eleger dois Conselheiros gerais para África e, sobretudo, eleger um responsável que se preocupe com o Sul do mundo”, diz Frei António Fidalgo de Barros, Custódio dos Capuchinhos em Cabo Verde.

Cidade do Vaticano

Frei António Fidalgo de Barros participa pela primeira vez no Capítulo Geral dos Franciscanos Menores Capuchinhos (FMC) que teve início nesta segunda-feira, 27, em Roma, e vai até domingo 16 de setembro.

Três semanas para eleger novo Superior geral

São três semanas de trabalho num capitulo eletivo para a escolha do novo Superior Geral dos FMC.

Antes da partida para Roma, o Custódio dos Capuchinhos em Cabo Verde, Frei Fidalgo de Barros, falou do foco central do evento capitular.

Dois Conselheiros gerais para África

Enquanto não chega o momento do Superior Geral ser oriundo de África, os Superiores do Continente querem mais um conselheiro geral, diz Frei Fidalgo.

Cada ponto do mundo leva preocupações, uma é conseguirem eleger um responsável que se preocupe com o sul do mundo, seguindo o caminho da inovação, afirma o nosso interlocutor. Frei Fidalgo, diz-se ansioso.

180 Países presentes no Capítulo geral

O encontro acontece de seis em seis anos com a participação dos superiores de cerca de 180 países, onde se encontram os Capuchinhos.

O evento decorre na capital italiana de 27 de agosto a 16 de setembro. – Rádio Nova, Emissora Cristã de Cabo Verde.

Oiça aqui a reportagem e partilhe:

 

28 agosto 2018, 11:17